O QUE NÃO SABEMOS NÃO EXISTE.
"Quando Creonte lhe diz “tu és a única, em Tebas, a defender tais opiniões”, Antígona responde com grande lucidez:
"-TODOS OS QUE ME OUVEM OUSARIAM CONCORDAR COMIGO SE O MEDO NÃO LHES FECHASSE A BOCA."
Pensar sempre foi considerado conspiração. Este blogue é parte do inadiável processo de novas escolhas na minha permanente ressonante infinita faxina espiritual. Nosso mundo é o que supomos conhecer, bendita Internet. Perceber e compreender faxinando os programas de jogos de memórias escravagistas que estão milenarmente sabotando a sanidade de nossas existências é a nossa única saída... Nada, religião alguma, lei alguma substituirá a consciente responsabilidade (100%) dos julgamentos, escolhas e decisões de cada um de nós. Ninguém virá nos salvar da escravidão... Só podemos escolher entre o medo catabólico e a gratidão anabólica ao afeto incondicional. Onde há amor não há perdão. A verdadeira maravilhosa revolução é intrapessoal, urgente e intransferível. Nós somos os deuses amorosos pelos quais temos esperado. Somos almas. Mantenhamo-nos na vibração da fé no afeto incondicional, todos os espíritos corações e mentes estamos interconectados na Teia Cósmica.
"O SISTEMA" É PSICOPÁTICO, ALIENÍGENA, INUMANO, PEDÓFILO, ANTROPOFAGICAMENTE CORRUPTO E ESCRAVISTA POR NATUREZA. SÃO "DIABÓLICOS". TODAS AS UTOPIAS HUMANITÁRIAS SÃO CONCESSÕES TÁTICAS DENTRO DA MILENAR ESTRATÉGIA ESCRAVAGISTA.
http://www.artmajeur.com/aldoluiz/
Em tempo; amanajé ré significa mensageiro amigo em tupi guarani.

Compartilhemos

Share |

terça-feira, 28 de agosto de 2012

RESGATE DO PODER PÚBLICO


Laerte Braga colocando os pingos nos i, i, i, i...


(...) "Por que pagar a uma empresa para cuidar da saúde, direito básico do cidadão e dever do poder público? Por que sucatear a educação negando aos professores salários justos, um plano de carreira, condições mínimas de trabalho e máximas no curso do próprio processo de construção do socialismo? Por que tratar a cultura como sendo privilégio de uma elite e não buscarmos formas de privilegiar toda a cultura incluindo aí a cultura popular, riquíssima em nosso País e muito mais rica, particularmente, em Minas Gerais, o nosso estado? Por que não pensar a cidade em seu desenho físico e humano, a questão da especulação imobiliária, a poluição ambiental, começar a desenhar o futuro construindo o presente? (...) ENTREVISTA COM LAERTE BRAGA - "SER OU NÃO RÊS"

Dicionário Aurélio - século XXI (consulte, pesquise, conheça o significado das palavras que usamos sem saber o que significam, a palavra é energia criativa, saber é poder, só a verdade nos libertará.)

PODER
 [Do lat. vulg. *potere, calcado nas f. potes, potest e outras de posse.]
V. t. d.

 1.     Ter a faculdade de: 2  
 2.     Ter possibilidade de, ou autorização para: 2  
 3.     Estar arriscado ou exposto a; arriscar-se, expor-se a: 2  
 4.     Ter ocasião, ter oportunidade, meio de; conseguir: 2  
 5.     Ter força para: 2  
 6.     Ter calma, paciência, para: 2  
 7.     Ter força de ânimo, energia de vontade, para: 2  
 8.     Ter o direito, a razão, o motivo de: 2  
 9.     Ter vigor, robustez, saúde ou capacidade para agüentar, para suportar, etc.: 2  2  
10.     Ter ocasião ou oportunidade de: 2  
V. int.
11.     Ter possibilidade.
12.     Dispor de força ou autoridade: 2  
13.     Ter força física ou moral; ter influência, valimento.
V. t. i.
14.     Ter força, robustez, capacidade, para suspender, agüentar, suportar: 2  
15.     Ter grande influência ou poder sobre: 2  

PÚBLICO
[Do lat. publicu.]
Adj.
 1.     Do, ou relativo, ou pertencente ou destinado ao povo, à coletividade: 2  2  2  
 2.     Relativo ou pertencente ao governo de um país: 2  2  
 3.     Que é do uso de todos; comum: 2  2  
 4.     Aberto a quaisquer pessoas: 2  2  2  
 5.     Conhecido de todos; manifesto, notório: 2   
 6.     Que se realiza em presença de testemunhas, em público; não secreto: 2  2  

NEGÓCIO
[Do lat. negotiu.]
S. m.
 1.     Comércio, tráfico: 2  
 2.     Relações comerciais; negociação, transação: 2  
 3.     Convenção, combinação.
 4.     Empresa, ajuste, questão: 2  
 5.     Negócio vantajoso; bom negócio: 2  
 6.     Caso, coisa; assunto; fato: 2   &  
 7.     Bras.  Pop.  Fam.  Qualquer objeto ou coisa; troço, trem.
 8.     Bras.  Casa de negócio: &  &  

[Cf. negocio, do v. negociar.]

Segue o jogo; sinto muito, me perdoe, te amo, sou grato.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos são bem vindos, estamos aqui para compartilhar experiências que nos iluminem, mas, por força de impertinentes baixas vibrações planetárias sou obrigado a moderar os comentários. Para bons comentadores este pingo é letra. Sintam-se em casa. E muito grato pela lúcida carinhosa presença. Venham sempre que lembrarem, se gostarem divulguem, compartilhemos nossas descobertas.Sinto muito, me perdoe, vos amo, sou grato. A faxina é infinita.

Related Posts with Thumbnails