O QUE NÃO SABEMOS NÃO EXISTE.
"Quando Creonte lhe diz “tu és a única, em Tebas, a defender tais opiniões”, Antígona responde com grande lucidez:
"-TODOS OS QUE ME OUVEM OUSARIAM CONCORDAR COMIGO SE O MEDO NÃO LHES FECHASSE A BOCA."
Pensar sempre foi considerado conspiração. Este blogue é parte do inadiável processo de novas escolhas na minha permanente ressonante infinita faxina espiritual. Nosso mundo é o que supomos conhecer, bendita Internet. Perceber e compreender faxinando os programas de jogos de memórias escravagistas que estão milenarmente sabotando a sanidade de nossas existências é a nossa única saída... Nada, religião alguma, lei alguma substituirá a consciente responsabilidade (100%) dos julgamentos, escolhas e decisões de cada um de nós. Ninguém virá nos salvar da escravidão... Só podemos escolher entre o medo catabólico e a gratidão anabólica ao afeto incondicional. Onde há amor não há perdão. A verdadeira maravilhosa revolução é intrapessoal, urgente e intransferível. Nós somos os deuses amorosos pelos quais temos esperado. Somos almas. Mantenhamo-nos na vibração da fé no afeto incondicional, todos os espíritos corações e mentes estamos interconectados na Teia Cósmica.
"O SISTEMA" É PSICOPÁTICO, ALIENÍGENA, INUMANO, MISÓGINO, PEDÓFILO, ANTROPOFAGICAMENTE CORRUPTO E ESCRAVISTA POR NATUREZA. SÃO "DIABÓLICOS". TODAS AS UTOPIAS HUMANITÁRIAS SÃO CONCESSÕES TÁTICAS DENTRO DA MILENAR ESTRATÉGIA ESCRAVAGISTA.
http://www.artmajeur.com/aldoluiz/
Em tempo; amanajé ré significa mensageiro amigo em tupi guarani.

Compartilhemos

Share |

quinta-feira, 29 de outubro de 2015

"O que pensamos modifica nossa biologia"; Bruce Lipton, doutor em Medicina e investigador em biologia celular.



Bruce Lipton, doutor em Medicina e investigador em biologia celular  

"Me ensinaram que os genes controlam a vida, que eles se registram todos as nossos características e capacidades, mas é falso.

Todos?

Não somos vítimas da nossa genética, na verdade é o DNA que está controlado pelo meio exterior da célula.

O que isso significa?

A célula é a vida. Falar de uma célula é como falar de uma pessoa. Recebemos informações através dos cinco sentidos e as células recebem sinais do ambiente através de receptores que captam as informações. O DNA é controlado por sinais provenientes do exterior da célula, incluindo mensagens energéticas de nossos próprios pensamentos, tanto o positivo e o negativo.

Somos o que vivemos e pensamos?

Sim, e mudar a nossa maneira de viver e de perceber o mundo é mudar nossa biologia. Estudos que comecei há quarenta anos mostram que as células mudam dependendo do ambiente, é o que chamamos epigenética. EPI significa acima da genética, para além dela.

E?

De acordo com o ambiente e como você responde ao mundo, um gene pode criar 30.000 variações diferentes. Menos de 10% do câncer é herdado, é o estilo de vida que determina a genética.

É o ambiente que nos define?

Aprendemos a nos ver como nos vêem, a nos avaliar como nos avaliam. O que ouvimos e o que vivemos nos forma. Não vemos o mundo como ele é, nós vemos o mundo como nós somos. Nós somos vítimas de nossas crenças, mas podemos muda-las.

Mas as crenças estão inscritos nas profundezas do nosso subconsciente.

Certo. O subconsciente é um processador de informações um milhão de vezes mais rápido do que a mente consciente e utiliza  95% a 99% do tempo as informações já armazenadas desde a nossa infância. Então, quando decidimos algo conscientemente como, por exemplo, ganhar mais dinheiro, se nosso subconsciente contém informação que é muito difícil ganhar a vida, não teremos sucesso.

Então?

Se mudarmos as percepções que temos no subconsciente, mudará a nossa realidade, comprovei-o através de numerosos experimentos. Ao reprogramar as crenças e percepções que temos sobre felicidade, paz, abundância, nós podemos conquistá-las.

Parece que esta é a fórmula feliz...
É assim que funciona o efeito placebo. Se eu acho que uma pílula pode curar, imagino que... e sinto-me melhor. O que me curou...?

A crença?

Isso parece. Semelhante ao efeito placebo os pensamentos positivos afetam nossa biologia, há o efeito nocebo: se você acha que alguma coisa vai te prejudicar, eventualmente vai te prejudicar. Henry Ford disse que, se você acha que você pode e se você acha que não pode, ambos estão certos. Se você optar por viver em um mundo cheio de amor, melhorará a sua saúde.

E é por isso?

A química que provoca a alegria e o amor faz com que nossas células cresçam, e a química que provoca o medo faz com que as células morram. Pensamentos positivos são um imperativo biológico para uma vida feliz e saudável. Há dois mecanismos para a sobrevivência: o crescimento e proteção e ambos não podem operar ao mesmo tempo.

Você cresce ou se protege.

Processos de crescimento exigem uma livre troca de informações com o ambiente, a proteção exige o fechamento completo do sistema. Uma resposta de proteção mantida inibe a produção de energia necessária à vida.

O que significa prosperar?

Para prosperar é preciso procurar ativamente a alegria e amor e preencher nossa vida com estímulos que desencadeiam processos de crescimento. Os hormônios do estresse coordenam as funções dos órgãos e inibem os processos de crescimento, suprimem completamente a ação do sistema imunológico.

Os pais têm toda a culpa?

Percepções se formam durante os primeiros seis anos, quando o cérebro recebe o máximo de informações em tempo mínimo para compreender o ambiente, nos afetam o resto da vida.

E as crenças inconscientes são transmitidas de pais para filhos.

Assim é, comportamentos, crenças e atitudes que observamos em nossos pais são registradas em nosso cérebro e controlam a nossa biologia o resto da vida, a menos que nós aprendemos a reprograma-las.

Como detectar crenças negativas?

A vida é um reflexo da mente subconsciente, o que funciona bem na vida são aquelas coisas que o subconsciente permite que funcionem, as que exigem muito esforço são aquelas coisas que o seu subconsciente não suporta .

Curvo-me ao meu subconsciente?

É uma batalha perdida, mas nada é resolvido até que alguém não se esforçar para mudar. Livrar-se dos medos infundados e tentar não incutir crenças limitantes no subconsciente das crianças.


Me enseñaron que los genes controlan la vida, que en ellos se inscriben todas nuestras capacidades y características, pero es falso. 
¿Del todo? 
No somos víctimas de nuestra genética, en realidad es el ADN el que está controlado por el medio externo celular. 
¿Qué significa eso? 
La célula es la vida. Hablar de una célula es como hablar de una persona. Nosotros recibimos la información a través de los cinco sentidos y las células reciben las señales del entorno a través de los receptores que captan la información. El ADN es controlado por señales que vienen desde fuera de la célula, incluyendo mensajes energéticos de nuestros propios pensamientos, tanto los positivos como los negativos. 
¿Somos lo que vivimos y pensamos? 
Sí, y cambiar nuestra manera de vivir y de percibir el mundo es cambiar nuestra biología. Los estudios que empecé hace cuarenta años demuestran que las células cambian en función del entorno, es lo que llamamos epigenética. Epi significa por encima de la genética, más allá de ella. 
¿Y? 
Según el entorno y como tú respondes al mundo, un gen puede crear 30.000 diferentes variaciones. Menos del 10% del cáncer es heredado, es el estilo de vida lo que determina la genética. 
¿Es el entorno el que nos define? 
Aprendemos a vernos como nos ven, a valorarnos como nos valoran. Lo que escuchamos y vivimos nos forma. No vemos el mundo como es, vemos el mundo como somos. Somos víctimas de nuestras creencias, pero podemos cambiarlas. 
Pero las creencias están inscritas en lo más profundo de nuestro subconsciente. 
Cierto. El subconsciente es un procesador de información un millón de veces más rápido que la mente consciente y utiliza entre el 95% y el 99% del tiempo la información ya almacenada desde nuestra niñez como un referente. Por eso cuando decidimos algo conscientemente como, por ejemplo, ganar más dinero, si nuestro subconsciente contiene información de que es muy difícil ganarse la vida, no lo conseguiremos. 
¿Entonces? 
Si cambiamos las percepciones que tenemos en el subconsciente, cambiará nuestra realidad, y lo he comprobado a través de numerosos experimentos. Al reprogramar las creencias y percepciones que tenemos de cómo es la felicidad, la paz, la abundancia, podemos conquistarlas. 
Me suena a fórmula feliz... 
Así es como funciona el efecto placebo. Si pienso que una pastilla me puede sanar, me la tomo y me encuentro mejor. ¿Qué me ha sanado?... 
¿La creencia? 
Eso parece. Al igual que los pensamientos positivos y el efecto placebo afectan a nuestra biología, existe el efecto nocebo: si crees que algo te hará daño, acabará por hacerte daño. Henry Ford decía que tanto si crees que puedes como si crees que no puedes, tienen razón. Si eliges vivir un mundo lleno de amor, tu salud mejorará. 
¿Y eso por qué? 
La química que provoca la alegría y el amor hace que nuestras células crezcan, y la química que provoca el miedo hace que las células mueran. Los pensamientos positivos son un imperativo biológico para una vida feliz y saludable. Existen dos mecanismos de supervivencia: el crecimiento y la protección, y ambos no pueden operar al mismo tiempo. 
O creces o te proteges. 
Los procesos de crecimiento requieren un intercambio libre de información con el medio, la protección requiere el cierre completo del sistema. Una respuesta de protección mantenida inhibe la producción de energía necesaria para la vida. 
¿Qué significa prosperar? 
Para prosperar necesitamos buscar de forma activa la alegría y el amor, y llenar nuestra vida de estímulos que desencadenen procesos de crecimiento. Las hormonas del estrés coordinan la función de los órganos corporales e inhiben los procesos de crecimiento, suprimen por completo la actuación del sistema inmunológico. 
¿La culpa de todo la tienen los padres? 
Las percepciones que formamos durante los primeros seis años, cuando el cerebro recibe la máxima información en un mínimo tiempo para entender el entorno, nos afectan el resto de la vida. 
Y las creencias inconscientes pasan de padres a hijos. 
Así es, los comportamientos, creencias y actitudes que observamos en nuestros padres se graban en nuestro cerebro y controlan nuestra biología el resto de la vida, a menos que aprendamos a volver a programarla. 
¿Cómo detectar creencias negativas? 
La vida es un reflejo de la mente subconsciente, lo que nos funciona bien en la vida son esas cosas que el subconsciente te permite que funcionen, lo que requiere mucho esfuerzo son esas cosas que tu subconsciente no apoya. 
¿Debo doblegar a mi subconsciente? 
Es una batalla perdida, pero nada se soluciona hasta que uno no se esfuerza por cambiar. Deshágase de los miedos infundados y procure no inculcar creencias limitadoras en el subconsciente de sus hijos.
Leer más: http://www.lavanguardia.com/lacontra/20110909/54213913374/lo-que-pensamos-varia-nuestra-biologia.html#ixzz3pzjDJvCC


Guerras contra as guerras!? 
A "paz" dos cemitérios... 
Vocês não desconfiam de nada?

Inté!

terça-feira, 27 de outubro de 2015

Penso que eu poderia viver com os animais




“Penso que eu poderia viver com os animais, que são tão plácidos e bastam-se a si mesmos.

Fico a contempla-los durante longo, longo tempo.

Eles não suam nem se queixam de sua condição.

Não ficam despertos no escuro e não choram os seus pecados.

Não me repugnam discutindo os seus deveres para com Deus.

Nenhum deles se mostra insatisfeito, nenhum deles se deixa enlouquecer pela mania de possuir coisas.

Nenhum deles se ajoelha diante do outro, nem diante dos da sua espécie que viveram há milhares de anos.

Nenhum deles é respeitável ou infeliz sobre a face da Terra.



Walt Whitman (Huntington, 31 de maio de 1819 – Camden, 26 de março de 1892) foi um poeta, ensaísta e jornalista norte-americano, considerado por muitos como o "pai do verso livre". Paulo Leminski o considerava o grande poeta da Revolução americana, como Maiakovsky seria o grande poeta da Revolução russa[1] .

Guerras contra as guerras!? 
A "paz" dos cemitérios... 
Vocês não desconfiam de nada?

Inté!

Gregg Braden é um Cientista moderno (mente aberta) com muita experiência, que não se intimida em fazer a ponte entre a Ciência e a Espiritualidade - neste curto vídeo podemos ficar com uma breve noção das suas ideias.


domingo, 25 de outubro de 2015

Do jeito que a coisa vai virando...


“O ego, na sua cegueira, é incapaz de ver a dor que inflige a si mesmo e aos outros. A Infelicidade é uma doença “mental–emocional” que atingiu proporções epidêmicas.”
Eckhart Tolle em seu livro “o despertar de uma nova consciência”.


Do jeito que a coisa vai virando; vou virar monge, ou lama, ou, enlameado, ou empoeirado. Ou imponderado.

Imponderável... Aqui onde vivo ou é lama ou é poeira...

“Nem precisava mais. Tinha a impressão de que o círculo alaranjado foi o meu primeiro passo para usar minha força interior e o meu passo seguinte tinha alguma coisa a ver com relaxar e fazer parte de tudo em vez de técnicas planejadas para dormir aquelas sensações que me deixavam desconfortável. O último passo deve ser aceitação completa e total – aceitação até as últimas conseqüências. Aceitação de tudo que existe e tudo que existiria. Isso deve ser harmonia.”


Shirley MacLaine em seu livro “não caia da montanha”.


Admirável (velhíssimo) mundo novo. Pedir que o escravista pare de escravizar. Pedir que arrependa-se de suas terroristas torturas e passe para o lado "bonzinho" dos escravos. Vamos pedir que ele(s), treinado(s) e atualizado(s) milenarmente belicosos e fratricidas, se modifique(m). Será que já estão fabricando escravista bonzinho?


Project Camelot Dr Pete Peterson


Guerras contra as guerras!? 
A "paz" dos cemitérios... 
Vocês não desconfiam de nada?

Inté!
Quem quiser que conte outra.

Sugestão de leitura
"A criança mágica"
"Cada pedacinho do sistema holográfico interage com o total, com funções
precisas; cada criatura ajusta-se nesse equilíbrio com um sentido, um
propósito, um desígnio." - Joseph Pearce

sábado, 24 de outubro de 2015

"Carta Aberta do Conselho da Paz dos EUA Para Todos Os Nossos Amigos e Camaradas Do Movimento Pela Paz "


Movimento Pela "Paz"...

Vocês podem julgar meu pensamento, sob qualquer ótica, não importa o "veredicto", não vai mudar a História da nossa estória... Nenhuma fração... A terceira guerra mundial,  o "boi voador", segue firme no rumo do vento em popa...

Pedir? Pedir a quem? À ONU? Ao Papai Noel? Aos Papas? A quem interessar possa? Milongas em furacões de proa... Milongas?

Pedir que a NATO (a OTAN) se desarme? Ô lôco sô! Reafirmo; "todas as utopias humanitárias são táticas (um programa de - ilusória - libertação), quase um delírio organizado, dentro da (esquiso paranoide) estratégia escravista. Um delírio (delírio organizado é a definição psiquiátrica da paranoia). 

Admirável (velhíssimo) mundo novo. Pedir que o escravista pare de escravizar. Pedir que arrependa-se de suas terroristas torturas e passe para o lado "bonzinho" dos escravos. Vamos pedir que ele(s), treinado(s) e atualizado(s) milenarmente belicosos e fratricidas, se modifique(m). Será que já estão fabricando escravista bonzinho? 

Guerras contra as guerras? A "paz" dos cemitérios... Vocês não desconfiam de nada? Guerras de libertação? Sinto muito, me perdoe, vos amo, sou grato, mas, sustentar o programa "lixo escravista" com qualquer atitude libertária sem nos libertarmos de nossa egocêntrica (vaidosíssima) participação ignorante no jogo "deles" do leva e trás? O perene "me engana que eu gosto". O campeo/nato prisional do "enquanto um morde e o outro sopra" e nós no meio. Ilhas...

Ouviram falar da "Operação Fúria Urgente"? 

Granada é um ótimo exemplo. Virou treinamento de "soldier boy"... Cuba, a heroica, (bloqueada há meio século) é a cenoura  na frente dos burros de moinho. E a Islândia não fica atras... A Islândia é um país nórdico insular europeu situado no oceano Atlântico Norte. O seu território abrange a ilha homônima e algumas pequenas ilhas no oceano Atlântico, localizadas entre a Europa continental e a Groenlândia. Wikipédia
(...) "Este processo é chamado de programação preditiva e sua finalidade é, literalmente, para programar a mente da vítima, de modo a aceitar sem questionar o que for necessário pelo programador - um exemplo; a ideia de ser isso "possível" em algum momento no futuro. 

Milenar escravidão. Nunca nos informamos sobre Spartacus e Varinia? Os ex-escravos que "colocaram em risco" o poder do império durante os três anos de uma rebelião com milhares de escravos que abalou a Itália antes de serem crucificados. E ninguém mais ouviu falar deles além dos (repetentes) manipula/dores hollywoodianos filmes "coloridos"...

Consciência severa é outra História. Sinto muito, me perdoe, vos amo, sou grato.

Mais fácil é o "boi voador".

Querer que parem com as torturas e guerras (das quais se alimentam) contra tudo e todos de tão arrependidos do mal que causam à humanidade?

Querer que parem com a geoengenharia genocida (chemtrails e outras sofisticadas barbaridades) em avançadíssima construção da NOVA ORDEM MUNDIAL das casas grandes e respectivas redução das senzalas para o próximo milênio?

As guerras são seus mais importantes e melhores negócios. Robôs e trans humanismo... Guantánamo planetária. Desprezam; aviltam; depreciam; desconsideram; desdenham; humilham; menoscabam; menosprezam; a humanidade que escravizam.

A terceira guerra mundial está aí, só não vê quem não quer. As casas grandes que ganharem a guerra ficam com a posse e administração do cassino Terra...

Sem trocadilhos e sem mais comentários, leiamos a carta;

"Carta Aberta do Conselho da Paz dos EUA Para Todos Os Nossos Amigos e Camaradas Do Movimento Pela Paz Caros Amigos e Camaradas da Paz. 
Como é do vosso conhecimento, o nosso mundo encontra-se numa conjuntura crítica e perigosa: a possibilidade de um confronto militar, potencialmente nuclear, entre a NATO, liderada pelos Estados Unidos, e a Rússia. As forças armadas das duas superpotências nucleares estão mais uma vez frente a frente, desta vez na Europa do Leste, nomeadamente na Ucrânia, e na Síria.
E as tensões aumentam a cada dia que passa. De certo modo, podemos dizer que já decorre uma guerra mundial.
 Actualmente, os governos de 15 países estão a bombardear a Síria. Incluem sete países aliados da NATO: EUA, Reino Unido, França, Turquia, Canadá, Bélgica e Holanda. Também incluem aliados dos Estados Unidos não-membros da NATO: Israel, Qatar, Emirados Árabes Unidos, Arábia Saudita, Jordânia, Bahrein e Austrália; e, mais recentemente, a Rússia. Nas fronteiras ocidentais da Rússia, desenvolve-se uma outra guerra perigosa. (atenção; o grifo no texto é meu) 
A NATO aumenta as suas forças em países vizinhos da Rússia. Todos os governos que fazem fronteira agora autorizam forças militares da NATO e americanas no seu território, onde decorrem exercícios militares da NATO ameaçadores a apenas poucas milhas das principais cidades russas.   
Certamente que isto cria uma grande tensão para o governo russo, como seria naturalmente igual para o governo dos EUA se as forças russas estivessem posicionadas nas fronteiras EUA-México e EUA-Canadá, fazendo exercícios militares a poucas milhas das principais cidades americanas. Qualquer uma, ou ambas as situações podem facilmente levar a um confronto directo entre os EUA e os seus aliados da NATO, por um lado, e a Rússia, por outro; um confronto que tem o potencial de escalar para uma guerra nuclear com consequências desastrosas.   
É devido a esta situação perigosa que contactamos os nossos amigos e camaradas da paz e do movimento anti-nuclear. Parece-nos que muitos dos nossos aliados no movimento prestam pouca atenção para os perigos que ameaçam hoje toda a existência da humanidade a nível global, e limitam as suas respostas apenas ao protesto contra esta ou aquela acção por parte deste ou daquele lado.   
Na melhor das hipóteses, lançam contra os EUA e a Rússia "uma praga nas vossas casas", criticando ambos os lados por aumentar de igual modo as tensões. Isto é, a nosso ver, uma resposta passiva, não histórica, e, mais importante, ineficaz, que ignora a urgência da ameaça existente.   
Além disso, lançando culpas de igual modo, mascara as suas verdadeiras causas. Mas as raízes da crise actual são muito mais profundas do que os recentes conflitos na Síria e na Ucrânia. Tudo volta para a destruição da União Soviética, em 1991, e a vontade dos EUA, como a única superpotência remanescente, de dominar unilateralmente o mundo inteiro.   
Este facto é afirmado sem rodeios no documento publicado pelos neoconservadores em Setembro de 2000, chamado "Reconstruir as Defesas da América: Estratégia, Forças e Recursos para um Novo Século", no qual se baseia a política actual dos EUA (perdoem-nos por este long lembrete):
(...), baixe o PDF para ler a carta.

Então...
Milongas...
A hora é esta.
Caprichemos na faxina. 
Sacode aí!

Inté! 
Quem quiser que cante outra.

terça-feira, 20 de outubro de 2015

Deus e o Diabo no planeta do salve-se quem puder.


O Eu, em si, não faz guerra. 

O viciado em guerra é o Ter egoico. 

Quem tem quer possuir. Mais. Tomar posse. Ter. Ser o dono do pedaço. Se apropria. É o Proprietário de um patri/monio. O pátrio poder. (patri - pater- pai.) O criador. O dono da(s) Terra(s). O dono do filho. Da filha. Da mãe. 

O patriarcalismo é sua crença de escolhas. A mente. O Ego. Ego/ismo/ista. Ego/latra. O Eu tenho; donde, eu sou. Possuo "bens"... Sou..., importante... Logo, existo (para possuir).

Qualquer ameça à esta person/lidade "proprietária" é um importante ato de guerra (não) declarado. Contra ela... Quem com ferro quente fere (quente do inferno) com ferro quente será ferido. É o esquiso-paranóide.

São esses os mesmos tais "camaradinhas" partidários do "olho por olho, dente por dente". 

Escravizam os derrotados após (e depois também) interminável inumanas humilhantes torturas. A frequência de onda de terror que emana dos seus torturados é seu principal alimento. 

As baixíssimas frequências geradas nas torturas são a fonte energética do seu congênito antropofágico escravismo.

Alimentam-se da energia negativa de toda e qualquer guerra e suas negativas frequências torturadoras do inefável escravagismo. Uma eventual briga de vizinhos, marido e mulher, qualquer disputa já é um quitute que pode virar banquete.

São os chamados de "os negativos". Tenebrosos. Campos minados. Legal/mente o sofrimento do outro é o seu "pão nosso (com filé mignon) de cada dia". Cruci/ficam. Desumanos e inumanos crucificam. Veneram "o demônio Bulling". Sacrificam tudo e todos.

Sacrificar: v.t. Oferecer em sacrifício, em holocausto à divindade; imolar.

A manutenção do olhar num corpo crucificado (nos acostumam com tudo) é um sofisticado treinamento de aceitação da banalização da(s) tortura(s).
(...) "Este processo é chamado de programação preditiva e sua finalidade é, literalmente, para programar a mente da vítima, de modo a aceitar sem questionar o que for necessário pelo programador - um exemplo; a ideia de ser microchipado em algum momento no futuro. 
A vítima é geralmente inconsciente de ser programada, acreditando que tudo isso é apenas entretenimento inofensivo. Por esta razão, pode ser uma arma potente e eficaz contra nós. 

Uma nuvem dessas vibrações negativas envolve o planeta. Todo dia, milenar/mente.

(A guerra na Síria já matou 215.518 pessoas, entre civis, militares, milicianos e rebeldes, desde seu início, em meados de março de 2011, segundo dados divulgados neste domingo pela ONG Observatório Sírio de Direitos Humanos)


Nós os apoiamos desde quando entramos em qualquer tipo de competição. 

Os jogos de competição são a massiva doutrinação implícita (subconsciente) da filosofia escravista (inconsciente desde o berço ancestral). 

Para eles o ser humano (números em um computa/dor) só colabora quando em alguma (dolorosa) disputa pela posse de algo terreno. "Guardai os vosso tesouros no céu", para eles, os negativos, é uma piada idiota de inoportuno péssimo gosto. O cara que disse isso foi torturado até a morte.

Dualidade. "Tem que doer no bolso". Desprovidos de afeto, sem empatia, a preponderância da reptilianidade faz com que sejam egoístas, obsessiva/mente ciumentos, vingativos, arrogantes, psicopáticos tortura/dores, desumanos por natureza.

Inumanos. Visíveis e invisíveis. Parasitas de almas alimentando-se das mais baixas eletromagnéticas e desamorosas frequências cardíacas de seus escravizados.

Quem, em estado de afeto incondicional, poderia admitir-se tais comportamentos?


Já pararam e meditaram sobre a proposta; "amai os vossos inimigos"?

Mas... Quem são esses "vossos inimigos"? Não seriam esses inimigos nossas próprias idéias sobre o ter, tudo, de tudo em detrimento do Ser? Onde há amor (incondicional) não há perdão.

"Não cobiçar a mulher do próximo" também fala disso. Dessa nossa adicta cobiça para, então, em guerra permanente, sentirmo-nos vivos enquanto angustiados e temerosos idolatramos a morte.

Holocaustos. A religiosa filosofia madrasta. "Orai e vigiai" eles entendem por assistir televisão, vigiar o vizinho e falar (mal) dele. 

Encilhados pela deusa TV, a onipresente, somos "fofocantes" mortos vivos.

Zumbificados por infinitas permanentes guerras de extermínio e controle. Condenando-nos ao fogo eterno, fratricidas lavam nossos cérebros. Hipócritas antropofágicos, vivemos anestesiados pela banalização das guerras, qualquer tipo de guerra, desde o milenar ventre materno. Estamos delirantes. Inconscientes.

Ter é "poder". O sistema é: casa grande e senzala. Se Giordano Bruno estivesse aqui, hoje, em 2015, reafirmaria a sua convicta ideia de que "as igrejas não querem amor, querem poder." e, todos os reis também preferem guerras.


Ser é um outro poder.

Mais poderoso. Infinitamente vivo. O mais poderoso paradigma. Consciência, presença. O Amor incondicional é a finalidade na existência, o permanente treinamento. Árduo, inexorável, intransferível, conscientemente necessário. Inadiável. É o livre arbítrio dizendo ao que veio. É o caminho. São as escolhas guias, as finalmente lúcidas. Empáticas. (Empatia: capacidade de sentir o que outra pessoa sente em determinada situação. Saber colocar-se no lugar do outro.)

Para tal é preciso (ser) afeto; é preciso, para isso, o espírito divino e perfeito que somos todos, estar encarnado (unidade prisional temporária) como Ser Humano.

Inumano. Desumano. Humano.

Atrairemos para a nossa vida aquilo em que acreditamos profundamente. Somos o que não desejamos ser...

O medo terrorista resultante de nossa escravizada ignorância, é seu habitat. E, sua mais poderosa reptiliana arma; a guerra contra as guerras.

O estado do Ser determina a circunstancia. E as circunstancias são as formas físicas expressando nosso estado de Ser. 

Quanto mais só reconhecemos o que sabemos, mais egoístas somos, maior é nossa incompreensão da inconsciência de nossa (milenar) escravização. E, mais apegados (viciados) ficamos ao que chamamos de "zona de conforto" do labirinto do nada da inconsciência do ego fratricida, a zona ideal dos escravistas. 

Caprichemos na faxina. 
A hora é esta.
Sacode aí!

Thank you, folks!



P.S.:
Cada um com seu cada qual; não me conformo com o fato de o João Bosco, ao final, não ter trazido e agradecido aos seus (formidáveis) músicos no palco. 
Sou grato pelas suas presenças neste 2015.

Inté!

quinta-feira, 15 de outubro de 2015

Nós financiamos nossa extinção. A programação preditiva. Viva os chemtrails! Geoengenharia. A teoria propõe que gentes já semos inútius...


Atrairemos para a nossa vida aquilo em que acreditamos profundamente. Somos o que não desejamos ser...
O medo terrorista resultante de nossa escravizada ignorância é seu habitat. A programação preditiva e sua mais poderosa reptiliana arma; a guerra contra as guerras.
O estado do Ser determina a circunstancia. E as circunstancias são as formas físicas expressando nosso estado de Ser. 
Quanto mais só reconhecemos o que sabemos, mais egoístas somos, maior é nossa incompreensão da inconsciência de nossa (milenar) escravização. E mais apegados (viciados) ficamos ao que chamamos de "zona de conforto" do labirinto do ego fratricida, a zona ideal dos escravistas. 

Sou grato pelas presenças neste 2015.

Entonces...


Then...



Então...

(...) A teoria propõe que os meios públicos (tais como filmes, televisão, notícias, e etc.) são deliberadamente usados para sutis e futuras mudanças sociais, políticas, ou tecnológicas. 
De acordo com a teoria, quando uma mudança relevante é depois introduzida no mundo, o público se acostumou com a idéia através da exposição e, portanto, aceita passivamente em vez de oferecer resistência ou oposição. 
A programação preditiva é, portanto, pensado para ser um meio de propaganda ou condicionamento psicológico de massa que opera em um nível subliminar ou implícito. - Wikipedia, Predictive Programming (curiosamente, a página na Wikipédia sobre o assunto saiu do ar) fonte 
(...) Citar: Programação preditiva é uma forma sutil de condicionamento psicológico fornecido pela mídia para familiarizar o público com as mudanças sociais planejadas para serem implementadas. Se e quando essas mudanças são colocadas através de, o público já estará familiarizado com eles e aceitá-los como 'progressões naturais ", diminuindo assim qualquer possível resistência pública e comoção. 
Programação preditiva, portanto, pode ser considerada como uma forma velada de manipulação em massa de preferência ou controle da mente. 
Programação preditivo e a Agenda Microchipping Humanos confirma a realidade da agenda do microchip, e mostra que a arma de propaganda tem sido usada contra o público durante décadas para nos familiarizar com a ideia de ser lascado. 
Este processo é chamado de programação preditiva e sua finalidade é, literalmente, para programar a mente da vítima, de modo a aceitar sem questionar o que for necessário pelo programador - neste caso, a ideia de ser microchipado em algum momento no futuro. 
A vítima é geralmente inconsciente de ser programada, acreditando que tudo isso é apenas entretenimento inofensivo. Por esta razão, pode ser uma arma potente e eficaz contra nós. 
Fonte: http://ift.tt/1t0Cq1s
E para terminar com os entãos...
Ex funcionária da força aérea americana nos explica o que de fato nos "acontece".


Sinto muito, me perdoem, vos amo, sou grato.

Apertemos bem os cintos,
não somos "os pilotos que sumiram"...

O link abaixo o levará à origem do símbolo

pegando fogo.

Caprichemos na limpeza.


Caprichemos nas pesquisas conscientes.
Sejamos sempre gratos a tudo e, e muito,
a esta bendita Internet.
Inté mais!

quarta-feira, 14 de outubro de 2015

Wihlem Reich, orgone, e Dr Hamer fala do seu novo livro 'Mein Studentenmädchen, a mágica melodia arcaica.


Dedico esta postagem ao meu querido médico Dr. Eduardo Almeida.

Todos somos reflexas realidades paralelas...

Wilhelm Reich in his mid-twenties.JPGEsta postagem, uma inspiração da minha Fada do Bosque, é homenagem ao Dr. Wihlem Reich por sua amorosa brilhante contribuição para nossa libertação. O descobrimento da Energia Orgone e a Cura. Eu estava em 1965 quando ouvi falar pela primeira vez. Conservo alguns livros seus.  

Vos amo e sou grato.



E, de passagem, sempre atentos, conheçamos também o Dr. Hamer.

Entonces..., confiramos.



Dr Hamer habla de su nuevo libro 'Mein Studentenmädchen, la mágica melodía arcaica'




Mis queridos pacientes:

Hoy os ofrezco un regalo de los dioses: “Mein Studentenmädchen”, la canción original, que se encuentra en el libro “Die Archaischen Melodien” (“Las melodías arcaicas”), y que podéis descargaros gratuitamente para que todos podáis beneficiaros de ella.

Sin embargo, queda prohibido darle un uso comercial. Aquellos que deseen comprar el audio CD pueden hacerlo únicamente en mi casa editorial (Amici-di-Dirk - Ediciones de la Nueva Medicina, S.L. en España, www.amici-di-dirk.com (tienda online).

“Mein Studentenmädchen” es una pequeña canción de amor que escribí y compuse para mi esposa en 1976, con ocasión del 20º aniversario de nuestro amor, es decir, 5 años antes de que descubriera la Germanica Heilkunde (Germánica Nueva Medicina) en 1981. Desde entonces, este descubrimiento había permanecido dormido durante 30 años, casi como la bella durmiente.

En 2006, cuando “Mein Studentenmädchen” emergió de su prolongado sueño, nos dimos cuenta de que precedía al mayor descubrimiento de la historia de la humanidad, la Germanica Heilkunde, en 5 años, sin que ni siquiera me hubiera dado cuenta. Representa el prototipo o arquetipo de toda la música clásica de nuestros grandes y antiguos maestros, y al mismo tiempo, el prototipo o arquetipo de la Germanica Heilkunde. Esto parece ser el origen del misterio terapéutico inherente a “Mein Studentenmädchen”. ¡Eso es lo que la hace única! Es como una llave que permitiera abrir todas las puertas.

Descubrimos esta dimensión terapéutica gracias a una niña austríaca de 7 años que desde hacía meses padecía una enfermedad crónica, con gran desesperación de sus padres. La niña le pidió prestado a su padre “Mein Studentenmädchen”, y la escuchó sin parar durante varios días y varias noches.

Aparentemente, había elegido de forma instintiva aquello que le iba bien, ya que al cabo de tres días y tres noches, la niña había recuperado la salud, ante la tremenda sorpresa de sus padres, porque llevaba enferma desde hacía meses.

Desde entonces hemos recopilado cientos de casos parecidos, y constatado sin excepción el mismo fenómeno.

“Mein Studentenmädchen” produce un efecto que se manifi esta, como todo el conjunto de la Germanica Heilkunde, a tres niveles: psíquico, cerebral y orgánico.

La canción puede descargarse en este enlace.
http://universitatsandefjord.com/DOWN...




Entonces, mal traduzindo...

Dr Hamer fala sobre seu novo livro "Mein Studentenmädchen, a melodia mágica arcaica".



Meus queridos pacientes:

Hoje, ofereço-te um presente dos deuses: "Mein Studentenmadchen", a canção original, que é encontrada no livro "Die Archaischen Melodien" ("melodias arcaicas"), e que você pode baixar de graça, para que toda a gente pode tirar vantagem disso.

No entanto, proibido o uso comercial. Aqueles que desejam comprar o CD de áudio podem fazer tão somente na minha casa publicando (Amici-di-Dirk - edições da nova medicina, S.L. em Espanha, a www.amici-di-dirk.com (loja online).

"Mein Studentenmädchen" é uma canção de amor pequeno que escreveu e compôs para minha esposa, em 1976, por ocasião do 20º aniversário do nosso amor, ou seja, 5 anos antes de eu descobri o Heilkunde Germanica (nova medicina germânica) em 1981. Desde então, esta descoberta tinha dormido há 30 anos, quase como a bela adormecida.

Em 2006, quando "Mein Studentenmädchen" emergiu de seu longo sono, percebemos que precedeu a maior descoberta da história da humanidade, o Organon germânica, em 5 anos, a menos que eu não tinha percebido. Representa o protótipo ou arquétipo de toda música clássica dos nossos grandes e velhos mestres e ao mesmo tempo, o protótipo ou arquétipo do Organon germânica. 

Esta parece ser a origem do mistério terapêutico inerente "Mein Studentenmädchen". Isso é o que o torna único! É como uma chave que abriria todas as portas.

Descobrimos esta terapia de dimensão graças a uma menina austríaca de 7 anos para meses sofridas de uma doença crônica, com grande desespero de seus pais. A menina pediu emprestada a seu pai de "Mein Studentenmädchen" e ouvi-lo sem parar durante vários dias e várias noites.

Aparentemente, ele tinha escolhido instintivamente o que estava a correr bem, uma vez que ao final de três dias e três noites, a garota tinha recuperado a saúde, para a enorme surpresa de seus pais, porque ela estava doente há meses.

Desde então nós compilamos centenas de casos semelhantes e sem exceção encontrado o mesmo fenômeno.

"Mein Studentenmädchen" produz um efeito que é só, como toda a Organon germânica, em três níveis: mental, cerebral e orgânico.

"Mein Studentenmädchen, a melodia mágica arcaica".



Somos o que não desejamos ser...
Atrairemos para a nossa vida aquilo em que acreditamos profundamente. 

Nada como tropeçar numa pedra do caminho.
Sou grato pela presença neste 2015.

Dedico esta postagem ao meu querido médico Dr. Eduardo Almeida.

Inté!


segunda-feira, 12 de outubro de 2015

N S APARECIDA DAS ÁGUAS COMO RAINHA E PADROEIRA DO BRASIL





PIO XI EM 1930 DECRETOU N S APARECIDA DAS ÁGUAS COMO RAINHA E PADROEIRA DO BRASIL

EM MAIO DE 1978 ELA FOI DESPEDAÇADA EM UM ATO DE VANDALISMO E PARTIU-SE EM MAIS DE DUZENTOS PEDAÇOS. CONSTA QUE A IMAGEM FOI RECONSTITUÍDA E QUANDO SAI EM PROCISSÃO É DENTRO DE UMA REDOMA À PROVA DE TUDO.

É UMA ADORAÇÃO MUITO REGIONAL , PAULISTA POR EXCELÊNCIA.

MAS PARA A MENTE DA BRASILEIRADA , AMANHÃ 'FERIA-SE' PELO DIA DAS CRIANÇAS




Todos temos uma tendência a permitir processos de repetição (memórias), mas à medida que o tempo passa desenvolvemos um melhor julgamento dos acontecimentos (inspirações). É como se, à medida que amadurecêssemos, ampliássemos nossa capacidade perceptiva e entendêssemos os fatos passados com maior clareza.

Esta é minha "faxina" permanente através do uso do Ho'oponopono e fruto de muito silencio interior em meditações observando o "meu" agora. O mais atento possível dentro da ação silenciosa. "Orai e vigiai." Sempre gratos, procuremos aproveitar os tropeços para fazermos uma investigação criteriosa de que coisas precisam ser alteradas (no ego, a mente) em nossa estratégia.

Pois é... Meu filho Juliano nasceu em 11 de outubro. Faria 43 anos de planeta Terra. Ontem, ganharia dois presentes. Não aguentou apressão e saltou sem o paraquedas para a ideia de liberdade. 

"E assim caminha a humanidade..."
Sempre os Reis e as Rainhas... Padroeiros. Observaram?

Nada como tropeçar numa pedra do caminho.
Atrairemos para a nossa vida aquilo em que acreditamos profundamente. 
Inté!

sexta-feira, 9 de outubro de 2015

O PLANO B (eficaz).


Nada como tropeçar numa pedra do caminho.


Todos temos uma tendência a permitir processos de repetição (memórias), mas à medida que o tempo passa desenvolvemos um melhor julgamento dos acontecimentos (inspirações). É como se, à medida que amadurecêssemos, ampliássemos nossa capacidade perceptiva e entendêssemos os fatos passados com maior clareza.

Esta é minha "faxina" permanente através do uso do Ho'oponopono e fruto de muito silencio interior em meditações observando o "meu" agora. O mais atento possível dentro da ação silenciosa. "Orai e vigiai." 

Sempre gratos, procuremos aproveitar os tropeços para fazermos uma investigação criteriosa de que coisas precisam ser alteradas (o ego) em nossa estratégia.


EFICAZ = Qualidade de produzir o resultado desejado: bom. Eficiente.
"Produzir o resultado planejado"...

PRODUZIR = Gerar resultados. 

RESULTAR = v.t. Ser a consequência, o efeito natural, a conclusão lógica de. / Redundar, provir, proceder: de maus conselhos resultam atos...

PLANEJADO = (Planeado) adj. Que foi projetado ou concebido com antecedência; premeditado: o projeto foi preconcebido com minúcia. Presumido ou simulado sem fundamentação real; suposto previamente; projetado sem fundamentos objetivos: opinião preconcebida. (Etm. Part. de preconceber)

Parei para pensar sobre o que ando pensando e escrevendo. Melhor agir sempre pelo coração amoroso. Fada é fada. É para isto que elas existem. 
"Ainda fica a pergunta: Porque não fala dos Seres Alados e Luminosos, que o guardam e protegem? 
É uma pergunta que me tenho feito."Se eu não o amasse não insistiria e pode ter a certeza de que se continuar assim, não nos encontraremos no futuro."   
Adorei ver-te zangada comigo minha rainha companheira... Vou seguir seu conselho de guardiã e partir (dede já) em busca de garantir o meu reencontro contigo no futuro. 
A amo e sou grato. Um abraço do tamanho da galáxia. 
P.s.; já me chamava a atenção há um bom tempo esta fixação dela contra a Dilma e o PT... 
Quem acompanha minhas postagens sabe do que estou falando e pode ler tudo sobre isso no diálogo em comentários.
Penso que esta nossa virada de curso não necessitará de mais ou extensas explicações...

Quem me acompanha o passo sabe do que estamos falando. Vamos seguir o conselho da Fada guardiã e repousar antes de retornarmos à luminosa infinita caminhada. Daí a razão estarmos voltando cuidar melhor do (poderoso) "PLANO B". Ainda será o mais eficaz que concebi até aqui depois desta atenta experiência desde 2009. Sem deixar de lado minha total gratidão ao poderosíssimo Ho'oponopono da identidade própria. Valeu Dr. Len! Avante! Vamos conferir, juntos, "together", como diz o Jiddu Krishnamurti. 

Hora de mudarmos o curso das marés e garrafas ao mar... O que quer um homem de consciência? Mais consciência. Muitas mensagem novas estão por vir dessa ilha. Navegar é preciso. Entraremos doravante em mares mais tranquilos, de suaves azuis e gentis ventos de popa. 

by Dr. Vrinda Devani: 
Do you feel a lull in your energy level at around 3 or 4 p.m.?

Do you feel just burnt out at the beginning of the day and does that feeling seem to increase in the afternoon? 
As an Ayurveda practitioner, I find that drop in energy in the late afternoon is common and very understandable. Ayurveda is an ancient form of healing from India (commonly referred to as yoga’s “sister science”), which recognizes the time between 3 and 5 p.m. as kidney and adrenal time. In Ayurveda, we believe these organs are connected to things like stress and energy. So when you feel a drop in energy or any other common patterns that occur during this time, you should look at them as clues about how those organ systems are doing. 
When you start feeling this way, I encourage you to try the practice of yoga nidra, or “yogic sleep,” which is about attaining a state of relaxation. While the ancient practice in its original form is a very deep practice that takes time, guidance, and practice to perfect to its truest form, just about anyone can benefit from the basic elements. They can help you to create a calmer nervous system, provide a boost in energy, and give you greater mental focus and clarity. 
Perfect for 4 p.m., right? Here’s how you do it: 
1. Have a yoga mat or small blanket stored near your desk. Fold it in half and place it on the floor next to your chair.
2. Lie on your back with your legs propped up on your chair. (Embarrassed? Just do it and you’ll find many others in your office joining you in a week or two!)
3. Begin with your hands on your belly. Breathe deeply into your belly so that your hands rise. Keep your breath slow and relaxed.
4. Take your attention to your right foot. Relax the muscles and nerves of the foot. Move to the right knee, right thigh, and right hip, repeating the relaxation process. Become aware of the whole leg in its relaxed and passive state. Repeat this on your left leg.
5. Take your attention to your genitals, abdomen, chest, and then throat, consciously relaxing the muscles and nerves of each area. Then move to the right arm (beginning with the hand) and left arm.
6. Relax the forehead, the cheeks, the jaw, the crown of the head, and the back of the neck.
7. Breathe deeply. Observe the entire body as a distant observer. Feel the weight of the body on the ground. Watch the breath go into the belly and then out the nose.
8. Slowly become aware of your surroundings and the room you are in. Gently wiggle your toes and fingertips, becoming aware of your body. When you are ready, gently rise and sit up.
9. Rub your hands together and then rub your face. Gently open your eyes. 
It is not uncommon for people to actually fall asleep. I certainly did all the time when I started this practice, and have found that it occurs more often the more exhausted I am. Do not feel defeated! It is still not wasted time! I feel more refreshed and vibrant after that short 20-minute nap that begins with the above process than I do after any three-hour nap or cup of coffee. With time you will be able to be conscious more of the time. 
If you are unable to lie on the floor, try doing the same practice sitting upright in your chair. If you meet resistance at work, ask your adversaries to just let you try it for a week or two and ask them to see the changes in your mood and productivity for themselves! Also consider hanging a “Do not disturb” sign for those 20 minutes.
Source: Mind Body Green

Sente-se queimado no início do dia e esse sentimento parece aumentar à tarde? 
Como um praticante de Ayurveda, acho que aquela gota em energia no final da tarde é comum e compreensível. Ayurveda é uma antiga forma de cura da Índia (comumente referido como do yoga "irmã ciência"), que reconhece o tempo entre 3 e 17:00 como tempo de rim e adrenal. 
Em Ayurveda, acreditamos que esses órgãos estão ligados a coisas como estresse e energia. Então quando você sentir uma queda de energia ou qualquer outros padrões comuns que ocorrem durante este tempo, você deve olhá-los como pistas sobre como os sistemas de órgãos estão fazendo. 
Quando você começar a se sentir assim, eu encorajo-o a experimentar a prática de yoga nidra, ou "sono iogue", que está prestes a atingir um estado de relaxamento. Enquanto a antiga prática em sua forma original é uma prática muito profunda que leva tempo, orientação e prática para aperfeiçoar a sua forma mais verdadeira, qualquer um pode se beneficiar os elementos básicos. Eles podem ajudá-lo a criar um sistema nervoso mais calmo, fornecer um impulso na energia e dar-lhe a clareza e foco mental maior. 
Perfeito para 16:00, certo? Aqui está como fazer isso: 
1. ter um tapete de ioga ou um cobertor pequeno armazenado perto de sua mesa. Dobre ao meio e coloque-o no chão ao lado de sua cadeira. 
2. deite de costas com as pernas, apoiadas na sua cadeira. (Vergonha? Só isso e você vai encontrar muitos outros em seu escritório para me juntar a você em uma semana ou duas!) 
3. comece com as mãos na sua barriga. Respire profundamente em sua barriga, para que suas mãos se levantar. Mantenha a respiração lenta e relaxada. 
4. leve a atenção para o pé direito. Relaxe os músculos e nervos do pé. Mover para o joelho direito, coxa direita e quadril direito, repetindo o processo de relaxamento. Conscientize-se da perna toda em seu estado relaxado e passiva. Repita isso na perna esquerda. 
5. leve a atenção para seus órgãos genitais, abdômen, peito e garganta então, conscientemente, relaxando os músculos e nervos de cada área. Em seguida, mova o braço direito (começando com a mão) e o braço esquerdo. 
6. Relaxe a testa, as bochechas, o queixo, a coroa da cabeça e a parte de trás do pescoço. 
7. respire profundamente. Observe o corpo inteiro como um observador distante. Sinta o peso do corpo no chão. Assista a respiração no ventre e então sai do nariz. 
8. lentamente, tornar-se consciente do seu entorno e o quarto em que está. Delicadamente wiggle seus dedos do pé e ponta dos dedos, tornando-se consciente de seu corpo. Quando estiver pronto, suavemente, subir e sentar-se. 
9. Esfregue as mãos juntas e em seguida esfregar o seu rosto. Delicadamente, abra os olhos. 
Não é incomum para as pessoas na verdade cair no sono. Claro que o tempo todo quando começou esta prática e descobriram que ocorre mais frequentemente mais exausto que eu sou. Não me sinto derrotado! 
É ainda não é perda de tempo! Sinto-me mais descansado e vibrante após aquela soneca de 20 minutos que começa com o processo acima do que eu faço depois de qualquer soneca de três horas ou uma xícara de café. Com o tempo você será capaz de ser consciente mais do tempo. 
Se você é incapaz de deitar no chão, tente fazer o mesmo ereto de sessão prática em sua cadeira. Se você encontrar resistência no trabalho, pergunte a seus adversários para deixar você experimentá-lo por uma semana ou duas e pedir-lhes para ver as alterações no seu humor e produtividade por si mesmos! Também considere pendurado um sinal de "Não perturbe" por 20 minutos. 
Fonte: Mente corpo verde

Atrairemos para a nossa vida aquilo em que acreditamos profundamente. 


Inté!


quinta-feira, 1 de outubro de 2015

"Encontraram", (a coca-cola?), água em Marte... A chapa já está quente.



Chegou 1º de outubro, "dia do idoso"...



 A chapa já está quente...


Simples e curto, os verdadeiros poderes são as realezas. Todas. Agora vão implantando seu 4º reich, a nova ordem mundial "para inglês ver". As casas grandes reformatam as senzalas enquanto disputam seus espaços como nas justas. Um esporte real. O planeta é o cassino, fechando para balanço. Disputam na porrada, são antropófagos, adoram as sanguinárias eternas guerras santas que sempre lhes dão muito lucro. 

Quanto aos senzalados em faze de genocida limpeza radical (meros números em computadores); cito: "... nós nem existimos a não ser como massa útil para ser explorada e descartada se for preciso." 

Divertem-se enquanto nos escarnecem. Olhos de ver, nada além de um novo "up grade" no velho sistema. 


"Encontraram", (a coca-cola?), água em Marte...

Coca-cola e gangues já tão lá?
Mercadores de almas. TODAS AS UTOPIAS HUMANITÁRIAS SÃO CONCESSÕES TÁTICAS DENTRO DA MILENAR ESTRATÉGIA ESCRAVAGISTA. 

E "Eles", as milenares realezas, estão nos empurrando (os que restarem) para a genocida aterradora Guantánamo planetária. Conclusão: Redistribuição de domínios com redução e controle dos estoques excessivos. 

E no "fim dos tempos" os robôs exterminarão os humanos e dominarão o planeta. 

Sinto muito, sou grato.

Quem tem medo da (Bendita) Internet?



Estado Islâmico destrói estátuas milenares da civilização assíria (leia-se Síria) no Iraque; 
se quiser veja vídeo.

Não é o mesmo, mas, é igual...

"Em 1974, Henry Kissinger, o filho de Huxley intelectualmente sodomizado disse; "O despovoamento deve ser a prioridade da política externa relativa ao Terceiro Mundo."

É assim que é "a coisa", real.
Se alguém descobrir um plano "B" eficaz favor divulgar.

Inté a próxima!
Related Posts with Thumbnails