O QUE NÃO SABEMOS NÃO EXISTE.
"Quando Creonte lhe diz “tu és a única, em Tebas, a defender tais opiniões”, Antígona responde com grande lucidez:
"-TODOS OS QUE ME OUVEM OUSARIAM CONCORDAR COMIGO SE O MEDO NÃO LHES FECHASSE A BOCA."
Pensar sempre foi considerado conspiração. Este blogue é parte do inadiável processo de novas escolhas na minha permanente ressonante infinita faxina espiritual. Nosso mundo é o que supomos conhecer, bendita Internet. Perceber e compreender faxinando os programas de jogos de memórias escravagistas que estão milenarmente sabotando a sanidade de nossas existências é a nossa única saída... Nada, religião alguma, lei alguma substituirá a consciente responsabilidade (100%) dos julgamentos, escolhas e decisões de cada um de nós. Ninguém virá nos salvar da escravidão... Só podemos escolher entre o medo catabólico e a gratidão anabólica ao afeto incondicional. Onde há amor não há perdão. A verdadeira maravilhosa revolução é intrapessoal, urgente e intransferível. Nós somos os deuses amorosos pelos quais temos esperado. Somos almas. Mantenhamo-nos na vibração da fé no afeto incondicional, todos os espíritos corações e mentes estamos interconectados na Teia Cósmica.
"O SISTEMA" É PSICOPÁTICO, ALIENÍGENA, INUMANO, PEDÓFILO, ANTROPOFAGICAMENTE CORRUPTO E ESCRAVISTA POR NATUREZA. SÃO "DIABÓLICOS". TODAS AS UTOPIAS HUMANITÁRIAS SÃO CONCESSÕES TÁTICAS DENTRO DA MILENAR ESTRATÉGIA ESCRAVAGISTA.
http://www.artmajeur.com/aldoluiz/
Em tempo; amanajé ré significa mensageiro amigo em tupi guarani.

Compartilhemos

Share |

domingo, 17 de janeiro de 2010

A ANEXAÇÃO DO HAITI

NOVA ORDEM MUNDIAL ESCRAVAGISTA ANEXA O HAITI DEPOIS DO GOLPE DEMOLIDOR COM SUA  ARMA DE GUERRA, H.A.A.R.P. 
(Invisível aos incrédulos midiotizados do mundo)

Hillary Clinton aos haitianos: 'Estaremos aqui hoje e no futuro'


Sáb, 16 Jan, 09h40
 Foto: AFP: A secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, chegou neste sábado ao Haiti, decidida a contribuir...

PORTO PRÍNCIPE (AFP) - A secretária de Estado Hillary Clinton afirmou neste sábado que os Estados Unidos estão dispostos a ajudar o Haiti, "hoje, amanhã e no futuro".



"Estamos aqui convidados por seu governo para ajudá-los", disse Hillary em uma entrevista coletiva à imprensa depois de se reunir com o presidente René Preval na base de operações de ajuda em Porto Príncipe.

"Como o presidente (Barack) Obama disse, estaremos aqui hoje, amanhã e no futuro", acrescentou.

Dirigindo-se diretamente ao povo haitiano, a secretária de Estado declarou: "Vocês foram postos a prova de maneira terrível, mas sei que o Haiti pode voltar a se erguer e ser mais forte e melhor no futuro".
O presidente René Preval reiterou neste sábado que há pelo menos 50.000 mortos, 250.000 feridos e 1,5 milhão de desabrigados.
O primeiro-ministro, Jean-Max Bellerive indicou que mais de 25.000 corpos tinham sido enterrados.

O grifo é meu 
E tem mais...

"PORTO PRÍNCIPE (Reuters) - Líderes mundiais prometeram ajuda para reconstruir o Haiti, mas nas ruas da capital destruída os sobreviventes do terremoto ainda esperam por comida, água e medicamentos.
Quatro dias depois do terremoto que matou até 200 mil pessoas, equipes de resgate internacionais ainda estavam encontrando pessoas vivas debaixo dos escombros de prédios em Porto Príncipe.
Centenas de milhares de haitianos famintos esperam desesperadamente por ajuda, mas problemas logísticos não deixam que a maior parte da ajuda chegue às vítimas, muitas abrigadas em acampamentos improvisados nas ruas, em meio a destroços e corpos em decomposição.
Na ausência generalizada de autoridade, saqueadores invadiram lojas destruídas no principal bairro comercial da cidade, levando camisetas, malas, brinquedos e tudo o mais que puderam encontrar. Houve luta entre grupos de saqueadores, que portavam facas, picadores de gelo, martelos e pedras.
Muitos haitianos saíram da cidade a pé ou em carros lotados para tentar encontrar alimentos e abrigos no interior e para fugir da violência. Vários outros lotaram o aeroporto na esperança de entrar nos aviões, que saíram lotados de haitianos.

O presidente dos EUA, Barack Obama, prometeu ajuda enquanto a secretária de Estado, Hillary Clinton, voava para o Haiti, onde o governo ainda em choque deu aos EUA controle sobre o congestionado aeroporto para que cuide dos voos humanitários que chegam de todo o mundo. (continua)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos são bem vindos, estamos aqui para compartilhar experiências que nos iluminem, mas, por força de impertinentes baixas vibrações planetárias sou obrigado a moderar os comentários. Para bons comentadores este pingo é letra. Sintam-se em casa. E muito grato pela lúcida carinhosa presença. Venham sempre que lembrarem, se gostarem divulguem, compartilhemos nossas descobertas.Sinto muito, me perdoe, vos amo, sou grato. A faxina é infinita.

Related Posts with Thumbnails