O QUE NÃO SABEMOS NÃO EXISTE.
"Quando Creonte lhe diz “tu és a única, em Tebas, a defender tais opiniões”, Antígona responde com grande lucidez:
"-TODOS OS QUE ME OUVEM OUSARIAM CONCORDAR COMIGO SE O MEDO NÃO LHES FECHASSE A BOCA."
Pensar sempre foi considerado conspiração. Este blogue é parte do inadiável processo de novas escolhas na minha permanente ressonante infinita faxina espiritual. Nosso mundo é o que supomos conhecer, bendita Internet. Perceber e compreender faxinando os programas de jogos de memórias escravagistas que estão milenarmente sabotando a sanidade de nossas existências é a nossa única saída... Nada, religião alguma, lei alguma substituirá a consciente responsabilidade (100%) dos julgamentos, escolhas e decisões de cada um de nós. Ninguém virá nos salvar da escravidão... Só podemos escolher entre o medo catabólico e a gratidão anabólica ao afeto incondicional. Onde há amor não há perdão. A verdadeira maravilhosa revolução é intrapessoal, urgente e intransferível. Nós somos os deuses amorosos pelos quais temos esperado. Somos almas. Mantenhamo-nos na vibração da fé no afeto incondicional, todos os espíritos corações e mentes estamos interconectados na Teia Cósmica.
"O SISTEMA" É PSICOPÁTICO, ALIENÍGENA, INUMANO, MISÓGINO, PEDÓFILO, ANTROPOFAGICAMENTE CORRUPTO E ESCRAVISTA POR NATUREZA. SÃO "DIABÓLICOS". TODAS AS UTOPIAS HUMANITÁRIAS SÃO CONCESSÕES TÁTICAS DENTRO DA MILENAR ESTRATÉGIA ESCRAVAGISTA.
http://www.artmajeur.com/aldoluiz/
Em tempo; amanajé ré significa mensageiro amigo em tupi guarani.

Compartilhemos

Share |

terça-feira, 13 de dezembro de 2016

De golpe em golpe a caravana ladra e os cães passam...


"Entre 1809 e 1817, Portugal assinou alguns acordos com a Inglaterra, que envolviam principalmente os domínios portugueses ultramarinos. Após a expulsão dos franceses, Portugal foi governado pelo general britânico William Carr Beresford, subordinado ao Príncipe Regente... (*)


Por "ironia" do destino coincidências não há de haver.
Quis o 13 de dezembro de 2016 entrar para a vergonhosa história desse desnaturado gigante país escravocrata. As ordens sempre vieram de fora e de longe, dos verdadeiros (coroados) donos dessa casa grande com suas inumanas senzalas que agora querem reduzir ao mínimo o desnecessário.

De golpe em golpe a caravana ladra e os cães passam...
Por 53 votos a 16, Senado aprova PEC que congela investimentos por duas décadas... Se a lei do sexagenário foi a lei da gargalhada esta PEC 55 será a lei do choro compulsivo no vale das lágrimas dos sobreviventes... 

Agora só falta o Incitatus subir as escadas do senado (em latim, Impetuoso) era o nome do cavalo preferido do Imperador Romano Calígula (reinando de 37-41 d.C.) De acordo com o escritor Suetónio na sua biografia de Calígula, Incitatus tinha cerca de dezoito criados pessoais, era enfeitado com um colar de pedras preciosas e dormia no meio de mantas de cor púrpura (a cor púrpura era destinada somente aos trajes imperiais, ou seja, era um monopólio real). Foi-lhe também dedicada uma estátua em tamanho real de mármore com um pedestal em marfim. Conta a história que Calígula incluiu o nome de Incitatus no rol dos senadores e ponderou a hipótese de fazer dele cônsul.
O primeiro recenseamento oficial do Brasil ocorreu em 1872 e o País contava com 9.930.478 habitantes. Obviamente não registrou grande parte da população indígena, nem os quilombolas. A população escrava registrada foi de 1.510.806 pessoas. (fonte)
Hoje somos mais de 200 000 000 e ainda não acreditam em conspirações... Sem problema. Continua valendo... Todos somos heróis quando estamos conscientes de nossa finalidade neste planeta. 

SINTO MUITO, ME PERDOE, TE AMO, SOU GRATO.
Inté!

Um comentário:

Anônimo disse...

Sábio, Calígula percebeu logo que um senador com duas patas não é melhor que um de quatro cascos!
Nos dias de hoje na fossa brasilis, o Calígula iria eleger os ratos do esgoto de sua residência (oficial) para senadores, juizes, procuradores...
Em pouco tempo teriamos também peste bubônica vazando pelo ladrão do congresso nacional(pleonasmo vicioso), mas pelo menos mataria os ratos antes, sem Calígula vemos a peste bubônica se alastrando sem tocar os ratos!!!

vapera

Related Posts with Thumbnails