O QUE NÃO SABEMOS NÃO EXISTE.
"Quando Creonte lhe diz “tu és a única, em Tebas, a defender tais opiniões”, Antígona responde com grande lucidez:
"-TODOS OS QUE ME OUVEM OUSARIAM CONCORDAR COMIGO SE O MEDO NÃO LHES FECHASSE A BOCA."
Pensar sempre foi considerado conspiração. Este blogue é parte do inadiável processo de novas escolhas na minha permanente ressonante infinita faxina espiritual. Nosso mundo é o que supomos conhecer, bendita Internet. Perceber e compreender faxinando os programas de jogos de memórias escravagistas que estão milenarmente sabotando a sanidade de nossas existências é a nossa única saída... Nada, religião alguma, lei alguma substituirá a consciente responsabilidade (100%) dos julgamentos, escolhas e decisões de cada um de nós. Ninguém virá nos salvar da escravidão... Só podemos escolher entre o medo catabólico e a gratidão anabólica ao afeto incondicional. Onde há amor não há perdão. A verdadeira maravilhosa revolução é intrapessoal, urgente e intransferível. Nós somos os deuses amorosos pelos quais temos esperado. Somos almas. Mantenhamo-nos na vibração da fé no afeto incondicional, todos os espíritos corações e mentes estamos interconectados na Teia Cósmica.
"O SISTEMA" É PSICOPÁTICO, ALIENÍGENA, INUMANO, PEDÓFILO, ANTROPOFAGICAMENTE CORRUPTO E ESCRAVISTA POR NATUREZA. SÃO "DIABÓLICOS". TODAS AS UTOPIAS HUMANITÁRIAS SÃO CONCESSÕES TÁTICAS DENTRO DA MILENAR ESTRATÉGIA ESCRAVAGISTA.
http://www.artmajeur.com/aldoluiz/
Em tempo; amanajé ré significa mensageiro amigo em tupi guarani.

Compartilhemos

Share |

quinta-feira, 2 de junho de 2016

A cultura do estupro.


Esta é a cultura do estupro. 
Misoginia, o lixo do lixo da inumanidade patriarcalista.

Fonte da foto
Oprimindo as fêmeas garantem a escravização das proles.
Nada mais fazem, os escravistas, do que trocar os velhos espelhinhos e as coloridas miçangas por hipnóticos "whatsApps" e "selfies". 
Envenenando tudo o que podem, de cobertores com doenças para extermínio dos Índios à água, comida que não nutre, vacinas do Bill Gates para depopulação e remédios dos remédios com seus planos (caríssimos) de doença. Uma caixa de Pandora mal fechada, um "pacote" de maldades. E a "culpa" será sempre do votante.
Tudo é logro, tudo é lucro. Todo pingo é letra e todas as letras pagam impostos e juros sobre juros. Pingo por pingo. Ninguém sai do planeta sem pagar a conta. Do berço ao caixão tudo é coisa, e muito cara. Administram a planejada escassez de tudo, com exceção do relho, da tortura e a pancadaria. 
Tudo é guerra. 
As guerras de acabar com as guerras... É o grande negócio deles; vidas, caríssimo o cacife desses jogos. 
As infindáveis guerras sempre genocidas para o controle dos estoques.A humanidade paga cada cartucho, cada armamento, cada bomba de gaz que ao fim da competição voltam-se contra ela. Não pode haver excedentes nas senzalas, são sempre muito perigosos se ficam conscientes. 
Misoginia. 
E a culpa é sempre das Evas. Sempre será delas, não importa a época ou o nome que possa vir a ter. A serpente tentadora também era "mulher" como Eva e "Adãos" se fazem de vítima, já nascem covardes. Isto justifica toda barbárie.
Questão de segurança; antes de Cristo, certa vez, houve um tal de Espártacus que deu muito, muito trabalho ao império. Vigendo há milênios sem que a massa estuprada se dê conta, segue ignorante a boiada aos matadouros do "Free-boi", é o destino da massa bovina formatada por todas as globesteiras 24h "no ar". 
A rainha da Inglaterra é uma sacerdotisa? Uma das metas é manter a nossa glândula pineal inoperante. 
Quem cala consente?
Impera aqui a injustiça. A humanidade escravizada está sob o ataque das casas grandes. Está aberta a temporada de caça aos humanos. Guerra de extermínio. Estamos engulhados até o pescoço na 3ª guerra mundial. 
Há uma conspiração. 
Não há mais onde se exilar. O Estado de direito está sendo estuprado e a escuridão do silêncio é ensurdecedora. Não há neste momento, e nem haverá, qualquer veemente "religioso" protesto. Ninguém virá nos salvar. Muito pelo contrario.   
misoginia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos são bem vindos, estamos aqui para compartilhar experiências que nos iluminem, mas, por força de impertinentes baixas vibrações planetárias sou obrigado a moderar os comentários. Para bons comentadores este pingo é letra. Sintam-se em casa. E muito grato pela lúcida carinhosa presença. Venham sempre que lembrarem, se gostarem divulguem, compartilhemos nossas descobertas.Sinto muito, me perdoe, vos amo, sou grato. A faxina é infinita.

Related Posts with Thumbnails