O QUE NÃO SABEMOS NÃO EXISTE.
"Quando Creonte lhe diz “tu és a única, em Tebas, a defender tais opiniões”, Antígona responde com grande lucidez:
"-TODOS OS QUE ME OUVEM OUSARIAM CONCORDAR COMIGO SE O MEDO NÃO LHES FECHASSE A BOCA."
Pensar sempre foi considerado conspiração. Este blogue é parte do inadiável processo de novas escolhas na minha permanente ressonante infinita faxina espiritual. Nosso mundo é o que supomos conhecer, bendita Internet. Perceber e compreender faxinando os programas de jogos de memórias escravagistas que estão milenarmente sabotando a sanidade de nossas existências é a nossa única saída... Nada, religião alguma, lei alguma substituirá a consciente responsabilidade (100%) dos julgamentos, escolhas e decisões de cada um de nós. Ninguém virá nos salvar da escravidão... Só podemos escolher entre o medo catabólico e a gratidão anabólica ao afeto incondicional. Onde há amor não há perdão. A verdadeira maravilhosa revolução é intrapessoal, urgente e intransferível. Nós somos os deuses amorosos pelos quais temos esperado. Somos almas. Mantenhamo-nos na vibração da fé no afeto incondicional, todos os espíritos corações e mentes estamos interconectados na Teia Cósmica.
"O SISTEMA" É PSICOPÁTICO, ALIENÍGENA, INUMANO, PEDÓFILO, ANTROPOFAGICAMENTE CORRUPTO E ESCRAVISTA POR NATUREZA. SÃO "DIABÓLICOS". TODAS AS UTOPIAS HUMANITÁRIAS SÃO CONCESSÕES TÁTICAS DENTRO DA MILENAR ESTRATÉGIA ESCRAVAGISTA.
http://www.artmajeur.com/aldoluiz/
Em tempo; amanajé ré significa mensageiro amigo em tupi guarani.

Compartilhemos

Share |

sábado, 26 de setembro de 2015

Para que o "armazém" do Facebook?


O ódio destrói aquilo do que somos feitos.

Parece uma bobagem nos preocuparmos como o "armazém" do Facebook, mas, se perdemos o medo de pensar amorosamente, sempre podemos montar o mapa real do caminho à frente. Não precisamos viver mortos vivos com a cabeça cheia de drogas enfiada na televisão. Zumbificação; ação de ficar zumbi. Há quem prefira esta ilusão de manada feliz.

Acostumamo-nos (viciamo-nos) com tudo. Procuro me acostumar com o mínimo possível do que nos obrigam "legal" e ilegalmente.
"Facebook conserva toda la información en sus centros de datos, uno de los cuales está situado en el extremo norte de Suecia, solo a 112 kilómetros del Círculo Polar Ártico, escribe 'The Independent', uno de los primeros medios que ha logrado entrar en un 'almacén' secreto de la red social. (fonte
"Facebook mantém todas as informações em seus centros de dados, um dos quais está localizado no extremo norte da Suécia, apenas 112 quilômetros do Círculo Ártico, escreve "The Independent", um dos primeiros "meios" dos que conseguiram entrar no "armazém" secreto da rede social. (Tradução via translito.com) 

Ainda não entenderam o espetacular, tenebroso, assombroso, admirável significado desse "armazém"?

Vamos pensar juntos: sem informação não há escolhas. Não há futuro. Não haveria o que escolher. Só podemos escolher no "armazém" (memória) do que sabemos, seja o que for. Não importa o paradigma que usarmos, ele não existirá sem as informações, o conhecimento. É preciso que todos tenhamos as mesmas informações (crenças) para que resultem os mesmos propósitos (escolhas).


"Fi-lo porque qui-lo!" Faz 50 anos que Jânio Quadros renunciou à Presidência da República.

Para raciocinarmos escolhas temos que reter informação, memórias, temos que "armazenar" experiências que nos servirão para fazermos as escolhas futuras a cada instante no presente infinito.

Facebook é uma empresa, um site e serviço de rede social (isto nos dá uma falsa ideia do refrão "somos um" propagado pela casa grande,a verdadeira dona) que foi lançado em 4 de fevereiro de 2004, operado e de propriedade privada da Facebook Inc. (Wikipédia

O que faz o Facebook? Arquiva, armazena, toda a memória da humanidade que o acessa trocando gostos e desgostos das cuecas ao fundo dos mistérios da alma. Assim, os dados são armazenados, filtrados e combinados dando como resultado o estofo de memórias do nosso inconsciente coletivo. A humanidade está numa prisão. Daí o meu bordão; eles sabem tudo sobre nós e nós nada sobre eles

Somos absolutamente previsíveis e matematicamente manipuláveis, moldáveis. Eles possuem as chaves do banco de dados, o armazém das nossas memórias atuais e ancestrais que lhes permite selecionar e conduzir-nos no que lhes interessa para aonde lhes interessa. 

O resto da humanidade (a senzala), desde o berço, barbarizada até a alma, é o estoque "excessivo" de escravos que agora precisam eliminar para manter o controle do planeta Casa Grande & Senzala para aos próximos mil anos. Este sará o (ainda não muito famoso) 4º reich já em acelerada implantação. 

Papas virão e irão e tudo continuará (quase isso) como dantes no quartel de Abrantes. 500.000.000 de robóticos eunucos sob a mais perfeita vigilância e eficaz subserviência jamais engendrada e construída na face da Terra. 

Uma nova humanidade está sendo reconstruída para os 1000 anos de "paz e segurança", ("paz e segurança" é uma senha, a que abre esses trabalhos). D'eles; e para "eles".

Nós não fazemos ideia do que nos reservam estes senhores para a concretização de seus perenes inconfessos planos escravistas. O resto desta tenebrosa lenda futurista pesquisem, e concluam vocês mesmos. 

Pesquisemos mais...
O futurismo foi um movimento literário e artístico iniciado em 1909. Foi Felippo Marinetti, poeta italiano, quem começou este movimento com a publicação do Manifesto Futurista. Ele fez parte da primeira vanguarda futurista.
Características do Futurismo: 
- Desvalorização da tradição e do moralismo
- Valorização do desenvolvimento industrial e tecnológico; 
- Propaganda como principal forma de comunicação; 
- Uso de onomatopeias (palavras com sonoridade que imitam ruídos, vozes, sons de objetos) nas poesias;- Poesias com uso de frases fragmentadas para passar a ideia de velocidade; 
- Pinturas com uso de cores vivas e contrastes. Sobreposição de imagens, traços e pequenas deformações para passar a ideia de movimento e dinamismo;Futurismo na Itália 
Foi em território italiano que o futurismo ganhou grande notoriedade. O fascismo italiano teve grande influência neste movimento artístico na Itália. Os principais artistas plásticos futuristas italianos foram Luigi Russolo, Umberto Boccioni e Carlo Carrá. 
Futurismo na Rússia 
O movimento futurista russo recebeu forte influência do socialismo, principalmente após a Revolução Russa de 1917. O grande expoente da poesia futurista russa foi o poeta Vladimir Maiakovski, que fez uma ligação entre a arte e o povo. 
Futurismo no Brasil  
No Brasil, o futurismo teve grande influência na produção artística de artistas ligados ao movimento modernista. Anita Malfatti e Oswald de Andrade entraram em contato com Marinetti e seu Manifesto Futurista. Muitas ideias e conceitos futuristas foram incorporados às obras destes modernistas brasileiros. Pode-se observar estas influências na Semana de Arte Moderna de 1922.
A arte é propaganda. E assim, vamos conectando mais uns pontinhos, liberando mais uns fios da teia global com que nos aprisionam... 

Pelo sim pelo não, viva a bendita Internet! Antes de saírem vejam o filme abaixo... Espero estar colaborando para nossa libertação. Os negritos são meus. 



Apertemos bem os cintos,

Caprichemos nas pesquisas conscientes e
 sejamos sempre gratos a tudo, inclusive 
à esta bendita Internet.

"Em 1974, Henry Kissinger, o filho de Huxley intelectualmente sodomizado disse"O despovoamento deve ser a prioridade da política externa relativa ao Terceiro Mundo."
Se alguém descobrir um plano "B" eficaz favor divulgar.

Inté!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos são bem vindos, estamos aqui para compartilhar experiências que nos iluminem, mas, por força de impertinentes baixas vibrações planetárias sou obrigado a moderar os comentários. Para bons comentadores este pingo é letra. Sintam-se em casa. E muito grato pela lúcida carinhosa presença. Venham sempre que lembrarem, se gostarem divulguem, compartilhemos nossas descobertas.Sinto muito, me perdoe, vos amo, sou grato. A faxina é infinita.

Related Posts with Thumbnails