O QUE NÃO SABEMOS NÃO EXISTE.
"Quando Creonte lhe diz “tu és a única, em Tebas, a defender tais opiniões”, Antígona responde com grande lucidez:
"-TODOS OS QUE ME OUVEM OUSARIAM CONCORDAR COMIGO SE O MEDO NÃO LHES FECHASSE A BOCA."
Pensar sempre foi considerado conspiração. Este blogue é parte do inadiável processo de novas escolhas na minha permanente ressonante infinita faxina espiritual. Nosso mundo é o que supomos conhecer, bendita Internet. Perceber e compreender faxinando os programas de jogos de memórias escravagistas que estão milenarmente sabotando a sanidade de nossas existências é a nossa única saída... Nada, religião alguma, lei alguma substituirá a consciente responsabilidade (100%) dos julgamentos, escolhas e decisões de cada um de nós. Ninguém virá nos salvar da escravidão... Só podemos escolher entre o medo catabólico e a gratidão anabólica ao afeto incondicional. Onde há amor não há perdão. A verdadeira maravilhosa revolução é intrapessoal, urgente e intransferível. Nós somos os deuses amorosos pelos quais temos esperado. Somos almas. Mantenhamo-nos na vibração da fé no afeto incondicional, todos os espíritos corações e mentes estamos interconectados na Teia Cósmica.
"O SISTEMA" É PSICOPÁTICO, ALIENÍGENA, INUMANO, PEDÓFILO, ANTROPOFAGICAMENTE CORRUPTO E ESCRAVISTA POR NATUREZA. SÃO "DIABÓLICOS". TODAS AS UTOPIAS HUMANITÁRIAS SÃO CONCESSÕES TÁTICAS DENTRO DA MILENAR ESTRATÉGIA ESCRAVAGISTA.
http://www.artmajeur.com/aldoluiz/
Em tempo; amanajé ré significa mensageiro amigo em tupi guarani.

Compartilhemos

Share |

quarta-feira, 22 de julho de 2015

Nos dias de hoje todos temos medo



Nos dias de hoje todos temos medo(s)

O MEDO.

Essa coisa que nos agrilhoaram no subconsciente para melhor nos escravizarem a alma.

Adeus às linguagens.

Há milênios estão aí os verdadeiros parasitas escravistas de almas no comando da governança do planeta. Eles se alimentam da frequência da vibração do medo e tudo o que dele decorre. Verdadeiro vampirismo eletromagnético. 


Então; como disse alguém; "Orai e vigiai." Meditar profunda/mente é faxinar. Pedir a faxina é dirigir-se à divindade dentro de nós pedindo a faxina. A Divindade é quem limpa (vai limpando sempre que pedimos) essas memórias que nos governam à revelia. 

É só repetir o sinto muito, me perdoe, te amo, sou grato sempre que assaltar a memória que quer a manutenção do apego. Pedir a limpeza e soltar. Desapegar. Agradecer desde logo. Sem criar expectativas que cancelam o pedido na razão direta da falta de fé.  Não pode duvidar do quântico divino em que estamos todos naufragados. Pede sem vacilar. Já disse alguém por aí; "A tua fé te salvou."

Caros amigos

Quem já bisbilhotou o Ho'oponopono, ou já experimentou (é porque compreendeu o perdão) um dos métodos mais eficazes para cancelar estas memória que nos fazem apegar principalmente ao que nos assusta, amedronta, escraviza, adoece e mata, (lentamente) antes do prazo de validade.

Se não faxinarmos a roda (da fortuna) quebra e o carro enguiça e muitas vezes não pega nem no tranco. Ninguém merece. Então; aproveitemos as rodas da fortuna que é o que interessa para colocar o parado em movimento. Se queremos diferente temos que fazer diferente. 

Quando em permanente faxina só há notícias boas, mesmo quando pensávamos fossem más. Daí vem a velhíssima frase; "Há males que vem para bem."

Mas, se não praticarmos o desapego consciente/mente... Com todos os seus ônus faxinadores..., vamos ficar patinando na Roda do Samsara.

"Assim, cada indivíduo é totalmente responsável pela perturbação a que deu origem em função de seus modos de pensar, sentir e agir. E se é sua responsabilidade individual somente ele tem o direito e o dever de corrigir o que construiu que perturbou o fluir sereno da corrente astral. Em palavras simples e claras, eis a razão da Lei do Retorno ou da existência da Roda do Samsara."

Espero, me faxinando, estar contribuindo.

Um fraterno abraço a todos os espelhos.
Sinto muito, vos amo, me perdoem, sou grato.


"O amor é a total atenção."
A energia que cria o bem ou o mal é a mesma.
O "problema" é a sintonia.

Deu para ligarem mais uns novos velhos pontos? 
Comecem por vocês e ajudem alguém mais (somos espelhos)...
Caprichemos nos deveres de casa.
Inté!

3 comentários:

  1. Grande Aldo,
    E eu aqui gulosamente desejando esse belo capô de fusca peludamente original, sem pedofilias peladas e raspadas!
    Eu, exatamente aquele que diz que sexo é reprodução e não prazer, e que nem em sonho pensa em perpetuar o gene produzindo mais maquinetas escravas senzalais, estou aqui babando como um macaco diante de uma mata rara e seu regato mágico!
    Me perdoe, estou precisando, e grato estou por apreciar tão belo matagal! :-D
    Uivemos e vigiemos!
    Que as matas sejam preservadas! :-D
    Parece que o blogspot faz isso é de sacanagem!
    Fica colocando posts a serem escolhidos de forma capciosa, como se soubesse o que eu alego!
    E me alegro com essa visão deslumbrante! :-D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. o blogspot faz isso é de sacanagem! Mesmo! Estou preso há mais de ano nas listas de atualizações desses carcereiros.É como se nunca mais houvesse publicado neste "caixote" palanque.

      Excluir
  2. Verdade!
    NO blog Acordewakeup tu ainda está mandando tchau perlo vifro fechado do carro!
    E até pouco tempo estavas na maioria dos blogs ainda sofrendo os vilipendios do penúltimo papa!
    Mas a culpa é sua, quem manda ficar escrevendo coisas que não agradam aos senhores de engenho! :-D
    Eles não te perdoam! :-D

    Mas se eles continuarem me punindo com belas mats eu os perdoarei! :-D
    E olha que agora aqui em seu blog estou admirando a virgem maria vaginalizada que postastes há algum tempo, algo arrebatador!
    Sou grato! :-D

    ResponderExcluir

Todos são bem vindos, estamos aqui para compartilhar experiências que nos iluminem, mas, por força de impertinentes baixas vibrações planetárias sou obrigado a moderar os comentários. Para bons comentadores este pingo é letra. Sintam-se em casa. E muito grato pela lúcida carinhosa presença. Venham sempre que lembrarem, se gostarem divulguem, compartilhemos nossas descobertas.Sinto muito, me perdoe, vos amo, sou grato. A faxina é infinita.

Related Posts with Thumbnails