O QUE NÃO SABEMOS NÃO EXISTE.
"Quando Creonte lhe diz “tu és a única, em Tebas, a defender tais opiniões”, Antígona responde com grande lucidez:
"-TODOS OS QUE ME OUVEM OUSARIAM CONCORDAR COMIGO SE O MEDO NÃO LHES FECHASSE A BOCA."
Pensar sempre foi considerado conspiração. Este blogue é parte do inadiável processo de novas escolhas na minha permanente ressonante infinita faxina espiritual. Nosso mundo é o que supomos conhecer, bendita Internet. Perceber e compreender faxinando os programas de jogos de memórias escravagistas que estão milenarmente sabotando a sanidade de nossas existências é a nossa única saída... Nada, religião alguma, lei alguma substituirá a consciente responsabilidade (100%) dos julgamentos, escolhas e decisões de cada um de nós. Ninguém virá nos salvar da escravidão... Só podemos escolher entre o medo catabólico e a gratidão anabólica ao afeto incondicional. Onde há amor não há perdão. A verdadeira maravilhosa revolução é intrapessoal, urgente e intransferível. Nós somos os deuses amorosos pelos quais temos esperado. Somos almas. Mantenhamo-nos na vibração da fé no afeto incondicional, todos os espíritos corações e mentes estamos interconectados na Teia Cósmica.
"O SISTEMA" É PSICOPÁTICO, ALIENÍGENA, INUMANO, PEDÓFILO, ANTROPOFAGICAMENTE CORRUPTO E ESCRAVISTA POR NATUREZA. SÃO "DIABÓLICOS". TODAS AS UTOPIAS HUMANITÁRIAS SÃO CONCESSÕES TÁTICAS DENTRO DA MILENAR ESTRATÉGIA ESCRAVAGISTA.
http://www.artmajeur.com/aldoluiz/
Em tempo; amanajé ré significa mensageiro amigo em tupi guarani.

Compartilhemos

Share |

sexta-feira, 7 de novembro de 2014

A história é o que mesmo? "DOCE OU TRAVESSURA?", ou OBEDIÊNCIA OU RELHO?


Ilusão. 

From Laura Botelho's.

A recordação é uma cadeira de balanço embalando sozinha.  
Da recordação - Mario Quintana

A história é o que mermo? A história é como nos contam? Como nos inoculem? Sem exclamações. Sem interjeições. Sem por quês... Sem açúcar e sem afeto? Ou não?

Somos o que pensamos que somos. Quem odeia o bonito feio lhe parece.

Quem precisará se preocupar com "controle da mente" das massas escravas se detêm o poder da Deusa?

Cada qual com seu cada um... Cada um com seu cada qual. Estado Tele-móvel... Zumbi ficados...  

Há quem tenha várias (muitas) televisões (imagens da Deusa), sempre acesas, ligadas, tagarelas, o tempo todo. Altares telões de tagarela Ísis... É uma espécie de dependência química, ao "soro da morte em vida";  a DEUSA onipresente direto na veia. No pescoço do coração. Vampírico E.T. Antropófago. O tele-crak universal. Ou tele-cracking? E ainda tem o “fracking”, os árabes querem reduzir o preço do petróleo

Podemos escolher a nossa morte. - ? - Cada um com seu cada qual. Compulsória/mente nós não temos este direito. Em unidades prisionais, estamos, somos, todos, pré programados de fábrica. Cativos. 

Compulsiva/mente podemos pesquisar (graças esta bendita Internet), investigar histórias, o lado do perdedor e a versão do ganhador. Perdoadores contra condenadores.

Já dizia Genghis Khan; informação é poder, portanto, quem detêm a informação detêm o poder. Crenças e escolhas. Quem detêm A PROGRAMAÇÃO detêm o poder.

Simples assim, e chato assim.

"Think well". 

Não sobra muito para nós. Quase nada. É preciso reinventar o espaço. O silêncio das estrelas... O vazio interior (esvaziar a taça) para uma nova rodada de; "quem sou eu?"... 

Os caras inventaram a bomba de nêutrons (deve estar velha ou obsoleta), aquela que destrói os seres e preserva os "haveres", os "teres", as propriedades, os patrimônios. As casas grandes.

Tudo lhe$ pertence. Muitas vezes até as almas...

Tá chocado? Você não vai se acostumar com a visão dantesca deste mundo; o que chamo de - "o robótico doloroso labirinto prisional do nada". A vida que "nos deixamos" obrigar levar "viver" enquanto encarnados. E é proibido morrer fora do estipulado prazo de validade. Por isso "se drogamos" tanto...

Isto também não dá prejuízo ao sistema. Este é o Carma. E isto dá muito lucro.

Escravo não pode escolher fora dos "cardápios" propostos (ou impostos) pelos "donos". Lixo do lixo. O plural de cardápio é para manutenção da nossa ilusão de que temos escolhas. Esse determinismo (programação milenar), só não compreende o que vê quem não quer. O escancarado. É como digo sobre crenças e escolhas : "_ o que você não conhece não existe."

O cérebro "se acomoda" ao (des)conforto fora do - o menor esforço possível. Uma espécie de planetária preguiça endêmica, um "vírus escolha" ancestralmente inoculado em nossos HDs. Memórias de DNA dor gerindo e garantindo a nossa reprogramação escravista permanente nessas nossas unidades prisionais desorientadas, vagando nesse mundo, o perene labirinto do nada. 

DOCE OU TRAVESSURA?

OBEDIÊNCIA OU RELHO?

Fratricídio. Caim matou Abel. Pra lá de Adão e Eva vai o "divide e escraviza". Demo-cracia. Chamam a isso de governar(-nos).

Não deves acreditar nas respostas. As respostas são muitas e a tua pergunta é única e insubstituível. 
Das respostas - Mario Quintana.


Começam desde cedo nossa "esquisofrenização". 

Inconscientemente, aqueles que nos trazem à vida, nos programam para a escravização sobrevivente. Aceitação das "verdades históricas" do sempre foi assim. Sabem (está no manual) que os inconformados ou relutantes às doutrinações são "personas non gratas" em qualquer senzala. Devem ser eliminados caso não seja possível reformata-los. Isso vale também para os das casas grandes. Escravos despertos, servos difíceis, sócios rebeldes, e outros similares, dão prejuízo ao sistema. Por isso são terroristas - rótulo sumario. Fim de papo. Cortem-lhes as cabeças antes que o mal cresça. Como decretou outro dia mais um tirano de plantão, pela enésima vez, nessa milenar "história; "_ Quem não está comigo está contra mim."

Conspiranóicos "de direita" ou "de esquerda" (e simpatizantes) são os - "do contra" -  portanto, quando perdem o valor de uso perdem o de troca. Inúteis inutilizados e ou "aposentados" passam à categorização de sucata humana. Atualmente terroristas. Isto simplifica o alvo. Terroristas de um lado e "iluminados" de outro. Cego por cego; desdentado por desdentado... "Tudo é coisa". 

Terrorismo. Isto também lhes garante a remuneração dos investimentos. Lembrem-se de que "para eles" tudo é coisa. Resumindo: grana, lucro, tudo é questão de GRANA. O ter GRANA é ser O GRANA. O DONO.

O Deus deles é o deus GRANA. Andrógino, assexuado, amorfo em cartões chipados. Esquisonóide. Com ou sem chip, energia pura. Puro PODER nesta tri dimensionalidade. Nem bem nem mal. Nem bom nem mau. Os banqueiros estão acima disto. Não são humanos, são aquela coisa, os proprietários. Inda que daqui não se leve nada, são os representantes d'O$ DEUSE$. 


2) "Toda a propaganda de guerra, todos os gritos, as mentiras e o ódio, provêm invariavelmente de pessoas que não estão lutando".
Eles nunca lutam em suas guerras... 
3) "A guerra contra um país estrangeiro apenas ocorre quando as classes altas pensam que vão beneficiar-se dela"


Dependem sempre de nossas escolhas. 

Os escravos, todos, sustentamos o sistema com "nossas" escolhas.  Então... Se quisermos... Podemos não cooperar mais com isso. Este é o poder que nos ocultam aos nos entupir de televisões da hora em que nascemos ao momento em que desencarnamos. Mais de 2/3 de nossas vidas nos são (re)programados televisiva/mente. E a massa escrava se compraz com as "histórias" da insuspeita deusa. Agora em (tele-programáveis, possuem HD e processador) inebriantes "divinas" HDTVs.

O Universo é o Infinito em Expansão. Está ainda desligado? Não sabe onde deixou o(s) cartão(ões)? 

Se liga aí!
"A história sempre é escrita pelo vencedor ou aquele que tem o poder... e a este nunca é perguntado se ele está dizendo a verdade.
Leia mais: http://www.anovaordemmundial.com/2014/08/10-citacoes-de-george-orwell-que-estao-se-cumprindo-hoje-em-dia.html#ixzz3IBwwJs3c

Céu e ou inferno. 
Li noutro dia que mais de sessenta raças de E.Ts. estão por aqui... 
Sinto muito, me perdoe, te amo sou grato. 

Toda noite os grilos fritam não sei o quê. A madrugada chega, destampa o panelão: a coisa esfria...
Dos grilos - Mario Quintana


Aquele aldíssimo abraço. 
Cuidem-se bem. Inté! 
Meditemos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos são bem vindos, estamos aqui para compartilhar experiências que nos iluminem, mas, por força de impertinentes baixas vibrações planetárias sou obrigado a moderar os comentários. Para bons comentadores este pingo é letra. Sintam-se em casa. E muito grato pela lúcida carinhosa presença. Venham sempre que lembrarem, se gostarem divulguem, compartilhemos nossas descobertas.Sinto muito, me perdoe, vos amo, sou grato. A faxina é infinita.

Related Posts with Thumbnails