O QUE NÃO SABEMOS NÃO EXISTE.
"Quando Creonte lhe diz “tu és a única, em Tebas, a defender tais opiniões”, Antígona responde com grande lucidez:
"-TODOS OS QUE ME OUVEM OUSARIAM CONCORDAR COMIGO SE O MEDO NÃO LHES FECHASSE A BOCA."
Pensar sempre foi considerado conspiração. Este blogue é parte do inadiável processo de novas escolhas na minha permanente ressonante infinita faxina espiritual. Nosso mundo é o que supomos conhecer, bendita Internet. Perceber e compreender faxinando os programas de jogos de memórias escravagistas que estão milenarmente sabotando a sanidade de nossas existências é a nossa única saída... Nada, religião alguma, lei alguma substituirá a consciente responsabilidade (100%) dos julgamentos, escolhas e decisões de cada um de nós. Ninguém virá nos salvar da escravidão... Só podemos escolher entre o medo catabólico e a gratidão anabólica ao afeto incondicional. Onde há amor não há perdão. A verdadeira maravilhosa revolução é intrapessoal, urgente e intransferível. Nós somos os deuses amorosos pelos quais temos esperado. Somos almas. Mantenhamo-nos na vibração da fé no afeto incondicional, todos os espíritos corações e mentes estamos interconectados na Teia Cósmica.
"O SISTEMA" É PSICOPÁTICO, ALIENÍGENA, INUMANO, PEDÓFILO, ANTROPOFAGICAMENTE CORRUPTO E ESCRAVISTA POR NATUREZA. SÃO "DIABÓLICOS". TODAS AS UTOPIAS HUMANITÁRIAS SÃO CONCESSÕES TÁTICAS DENTRO DA MILENAR ESTRATÉGIA ESCRAVAGISTA.
http://www.artmajeur.com/aldoluiz/
Em tempo; amanajé ré significa mensageiro amigo em tupi guarani.

Compartilhemos

Share |

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

NA CONTRAMÃO DO FIM DO MUNDO


 
"Nós, os índios, conhecemos o silêncio.
Não temos medo dele.

Na verdade, para nós ele é mais poderoso do que as palavras.

Nossos ancestrais foram educados nas maneiras do silêncio e eles nos transmitiram esse conhecimento.

"Observa, escuta, e logo atua", nos diziam.

Esta é a maneira correta de viver.

Observa os animais para ver como cuidam se seus filhotes.

Observa os anciões para ver como se comportam.

Observa o homem branco para ver o que querem.

Sempre observa primeiro, com o coração e a mente quietos, e então aprenderás.

Quanto tiveres observado o suficiente, então poderás atuar.

Com vocês, brancos, é o contrário. Vocês aprendem falando.

Dão prêmios às crianças que falam mais na escola.

Em suas festas, todos tratam de falar.

No trabalho estão sempre tendo reuniões nas quais todos interrompem a todos, e todos falam cinco, dez, cem vezes.

E chamam isso de "resolver um problema".

Quando estão numa habitação e há silêncio, ficam nervosos.

Precisam preencher o espaço com sons.

Então, falam compulsivamente, mesmo antes de saber o que vão dizer.

Vocês gostam de discutir.

Nem sequer permitem que o outro termine uma frase.

Sempre interrompem.

Para nós isso é muito desrespeitoso e muito estúpido, inclusive.

Se começas a falar, eu não vou te interromper.

Te escutarei.

Talvez deixe de escutá-lo se não gostar do que estás dizendo.

Mas não vou interromper-te.

Quando terminares, tomarei minha decisão sobre o que disseste, mas não te direi se não estou de acordo, a menos que seja importante.

Do contrário, simplesmente ficarei calado e me afastarei.

Terás dito o que preciso saber.

Não há mais nada a dizer.

Mas isso não é suficiente para a maioria de vocês.

Deveríam pensar nas suas palavras como se fossem sementes.

Deveríam plantá-las, e permiti-las crescer em silêncio.

Nossos ancestrais nos ensinaram que a terra está sempre nos falando, e que devemos ficar em silêncio para escutá-la.

Existem muitas vozes além das nossas.

Muitas vozes.

Só vamos escutá-las em silêncio.



O jogo segue...

"Existem muitas vozes além das nossas. 
Muitas vozes.
Só vamos escutá-las em silêncio. 

Está esperando o 21 de dezembro de 2012 para então fechar as apostas nas velhas ou novas crenças e escolhas?
  Ainda não acredita no silencioso coração?
Não consegue ficar em silêncio? A TV não deixa? Tá formatado, severamente?
Sinto muito, mas, somos índios, vos amo, sou grato.
Vai continuar jogando o jogo deles?  Larga disso. Liberte-se... Segue o jogo de treinamento ao amor incondicional...
A hora é agora.

Que tal assistir este vídeo AQUI ?

Nota: o texto "Nós, os índios..., achei por aí, nesta bendita Internet.

4 comentários:

  1. Na Paz do Coração, somos o Silêncio que ressoa o Amor. Grata, querido Aldo.

    ResponderExcluir

  2. HARE KRISHNA...............GOSTARIA DE DESEJAR A TODOS OS PARTICIPANTES UM FELIZ NATAL E PROSPERO ANO NOVO..............A SIM ALDO VAI TOMAR NO CÚ

    ResponderExcluir
  3. Anônimo nazi sionista, você é a alegria do meu treinamento ao amor incondicional. Feliz ano novo para voce e todos nós também...
    Lembre-se: exerça o perdão. Este que você pensa que é você é um mero programa escravista inoculado em seu subconsciente. Chegará o dia, mesmo que ESTE seu mundo se acabasse, (ou não?), em que você se cansará de andar de joelhos sob o peso desta demoníaca lavagem cerebral que o agrilhoa, e a outros milhões de semelhantes, às galés do inferno nazi sionista. Tudo tem limite neste infinito campo quantico ressonante, inclusive a estupidez e a cretinice.
    Saiba que este planeta (manicômio judiciário inter galático) é para isto mesmo, não lhe tiro a razão. De antolhos, quase cegado na escuridão e de joelhos, tem sido mesmo muito penosa a sua infinita caminhada.
    Deus não julga nem pune, só dá.
    A cada um segundo suas possibilidades e sempre de acordo com suas crenças e escolhas. Estamos todos igualmente, juntos e misturados, caminhando ao infinito em busca da PAZ. Inclusive, e principalmente, os iludidos que desconhecem A LUZ neste único caminho, razão da divina perfeição com que TUDO está eternamente sendo criado.

    Sinto muito, me perdoe, vos amo, sou grato.

    Obs.: o jogo segue tomando sempre novas qualidades, e, sendo a Terra redonda, não há para onde correr, assim sendo, segue o jogo, não é permitido abandonar o campo. Agradeço sua apaixonada frequencia, (algo há de homossexual no seu HARE KRISHNA), mas, não se exceda na verborréia de baixo calão para não me obrigar a jogar seu comentário escravista na lata do lixo.

    Feliz Natal para você também.

    ResponderExcluir
  4. Aninha, sempre grato por sua presença. Beijos e, FELIZ AGORA NOVO!
    Vos amo e sou grato.

    ResponderExcluir

Todos são bem vindos, estamos aqui para compartilhar experiências que nos iluminem, mas, por força de impertinentes baixas vibrações planetárias sou obrigado a moderar os comentários. Para bons comentadores este pingo é letra. Sintam-se em casa. E muito grato pela lúcida carinhosa presença. Venham sempre que lembrarem, se gostarem divulguem, compartilhemos nossas descobertas.Sinto muito, me perdoe, vos amo, sou grato. A faxina é infinita.

Related Posts with Thumbnails