O QUE NÃO SABEMOS NÃO EXISTE.
"Quando Creonte lhe diz “tu és a única, em Tebas, a defender tais opiniões”, Antígona responde com grande lucidez:
"-TODOS OS QUE ME OUVEM OUSARIAM CONCORDAR COMIGO SE O MEDO NÃO LHES FECHASSE A BOCA."
Pensar sempre foi considerado conspiração. Este blogue é parte do inadiável processo de novas escolhas na minha permanente ressonante infinita faxina espiritual. Nosso mundo é o que supomos conhecer, bendita Internet. Perceber e compreender faxinando os programas de jogos de memórias escravagistas que estão milenarmente sabotando a sanidade de nossas existências é a nossa única saída... Nada, religião alguma, lei alguma substituirá a consciente responsabilidade (100%) dos julgamentos, escolhas e decisões de cada um de nós. Ninguém virá nos salvar da escravidão... Só podemos escolher entre o medo catabólico e a gratidão anabólica ao afeto incondicional. Onde há amor não há perdão. A verdadeira maravilhosa revolução é intrapessoal, urgente e intransferível. Nós somos os deuses amorosos pelos quais temos esperado. Somos almas. Mantenhamo-nos na vibração da fé no afeto incondicional, todos os espíritos corações e mentes estamos interconectados na Teia Cósmica.
"O SISTEMA" É PSICOPÁTICO, ALIENÍGENA, INUMANO, PEDÓFILO, ANTROPOFAGICAMENTE CORRUPTO E ESCRAVISTA POR NATUREZA. SÃO "DIABÓLICOS". TODAS AS UTOPIAS HUMANITÁRIAS SÃO CONCESSÕES TÁTICAS DENTRO DA MILENAR ESTRATÉGIA ESCRAVAGISTA.
http://www.artmajeur.com/aldoluiz/
Em tempo; amanajé ré significa mensageiro amigo em tupi guarani.

Compartilhemos

Share |

sábado, 30 de outubro de 2010

Nunca o ACASO foi tão inexistente.


Nada é por acaso. Não tenho medo que você me chame de paranóico e nem vou deixar de te amar, não por isto. Não acredito na honestidade do sistema escravagista que nos é imposto milenarmente. Psicopatas, mentem e conspiram como respiram.
Os tempos são chegados...
Quem já sabe o que é o H.A.A.R.P. sabe bem do que estou falando.
Enquanto o Papa dá uma de cabo eleitoral, o H.A.A.R.P. capricha na sabotagem desapercebida, entre tantas outras.
Lembremo-nos que os donos desta arma são os mesmos de olho no pré-sal e todas as riquezas brasileiras.

Só para refrescar nossa memória:
http://infinitoaldoluiz.blogspot.com/2010/10/nao-voto-em-canalhas.html
"Em última instância, sobra-nos o esperançoso voto nessa pseudo democracia para tentar separar o joio do trigo em meio a este verdadeiro aterro sanitário em que transformam na politicagem a coonestação com nossos votos.
Conspiram como respiram. Vejam como, aos gringos saqueadores, diz e demonstra bem tudo isso este impune e inumano cancro FHC em sua fala viscosa e peçonhenta:  
Vamos ter que contornar algumas dificuldades com militares”, declarou. “É preciso ir amaciando esse pessoal com calma”. Entre um gole e outro de uísque caro, os presentes quiseram saber sobre as eventuais pressões dos sindicatos, centrais sindicais e da população em geral. FHC sorriu matreiramente e disse que bastava “botar a polícia na rua”.“Ahhhh... O brasileiro é passivo e não vai lutar por muito tempo contra a força do governo”, afirmou, com ar de enfado intelectual. Sua pequena platéia riu, depois que a frase foi traduzida.
Muitos antes de mim viram, e, muitos já estão vendo as coisas que a maioria ainda não viu, nem vê de tão acorrentados aos pés da deusa TV, agora em "eficientíssimos" HD 3D, (atenção que HD TV é também e principalmente o HARD DISCK) repletos de "programas" e memórias carcereiras repetentes doutrinadas pela casa grande "científica", com suas "autoridades" e "especialistas", todos, voluntária ou involuntariamente aos seus serviços.
Não ouvi até agora qualquer meteorologista fazer qualquer menção ao H.A.A.R.P., se alguém ouviu por favor me informe.

O H.A.A.R.P. é uma arma de guerra para modificação do clima tão precisa que pode sem maior esforço localizar estas chuvas exatamente nos dias e locais que desejarem. É uma arma de altíssima precisão.

31 é o dia das eleições presidenciais no Brasil, talvez, historicamente, a mais importante de todas até aqui. A nova ordem mundial tem pressa e uma agenda inadiável.


O "candidato" oficial da nova ordem mundial está mal neste teatro por ela mesma armado e administrado. A sua midiocracia e seu exército terrorista não conseguiram dar cabo dos serviços a eles encomendado. É preciso tirar votos da Dilma. Não seria ótimo "criarmos" dificuldades de locomoção e concorrência às urnas?  Justo nos locais em que os votos serão decisivos para o candidato "deles" e que está perdendo nas pesquisas?  

Lembrando que coincidências e acasos nos dias de hoje são lendas do passado, e que tudo está "midiocraticamente" interligado, conectado e ressonante. Analise a seqüencia de imagens e faça uma reflexão desapaixonada...

Aprenda a ver o que nos escondem, isso fará uma grande diferença em nossas vidas.

Sinto muito, me perdoe, te amo, sou grato.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos são bem vindos, estamos aqui para compartilhar experiências que nos iluminem, mas, por força de impertinentes baixas vibrações planetárias sou obrigado a moderar os comentários. Para bons comentadores este pingo é letra. Sintam-se em casa. E muito grato pela lúcida carinhosa presença. Venham sempre que lembrarem, se gostarem divulguem, compartilhemos nossas descobertas.Sinto muito, me perdoe, vos amo, sou grato. A faxina é infinita.

Related Posts with Thumbnails