O QUE NÃO SABEMOS NÃO EXISTE.
"Quando Creonte lhe diz “tu és a única, em Tebas, a defender tais opiniões”, Antígona responde com grande lucidez:
"-TODOS OS QUE ME OUVEM OUSARIAM CONCORDAR COMIGO SE O MEDO NÃO LHES FECHASSE A BOCA."
Pensar sempre foi considerado conspiração. Este blogue é parte do inadiável processo de novas escolhas na minha permanente ressonante infinita faxina espiritual. Nosso mundo é o que supomos conhecer, bendita Internet. Perceber e compreender faxinando os programas de jogos de memórias escravagistas que estão milenarmente sabotando a sanidade de nossas existências é a nossa única saída... Nada, religião alguma, lei alguma substituirá a consciente responsabilidade (100%) dos julgamentos, escolhas e decisões de cada um de nós. Ninguém virá nos salvar da escravidão... Só podemos escolher entre o medo catabólico e a gratidão anabólica ao afeto incondicional. Onde há amor não há perdão. A verdadeira maravilhosa revolução é intrapessoal, urgente e intransferível. Nós somos os deuses amorosos pelos quais temos esperado. Somos almas. Mantenhamo-nos na vibração da fé no afeto incondicional, todos os espíritos corações e mentes estamos interconectados na Teia Cósmica.
"O SISTEMA" É PSICOPÁTICO, ALIENÍGENA, INUMANO, PEDÓFILO, ANTROPOFAGICAMENTE CORRUPTO E ESCRAVISTA POR NATUREZA. SÃO "DIABÓLICOS". TODAS AS UTOPIAS HUMANITÁRIAS SÃO CONCESSÕES TÁTICAS DENTRO DA MILENAR ESTRATÉGIA ESCRAVAGISTA.
http://www.artmajeur.com/aldoluiz/
Em tempo; amanajé ré significa mensageiro amigo em tupi guarani.

Compartilhemos

Share |

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Infinito Fidel Castro faz hoje 84 anos e Danny Glover visita a Gerardo Hernández en la prisión de Victorville

Fidel Castro faz 84 anos

Qui, 12 Ago, 02h25
HAVANA (AFP) - O ex-presidente de Cuba, Fidel Castro, faz 84 anos nesta sexta-feira, recuperado de uma grave doença que o afastou do poder em 2006 e em grande atividade pública, centrada na política internacional, sem nenhuma disputa de comando com o irmão Raúl.
Castro, que havia cedido o poder depois de ter governado 48 anos, retornou há um mês ao primeiro plano com uma energia impensável de alguém que esteve entre a vida e a morte, obcecado em alertar para o risco de uma guerra nuclear, e afastado dos problemas domésticos.
"A mim, cabe dizer as coisas e alertar para os acontecimentos para que cada um decida (...) ", disse nesta semana, em entrevista a jornalistas venezuelanos.
A série de aparecimentos em público foi coroada com sua presença no Parlamento há cinco dias, em meio a interpretações sobre divergências ou rivalidade com seu irmão e até sobre um governo compartilhado de tarefas claras: Raúl decidiria e se ocuparia de Cuba, Fidel aconselharia e se encarregaria das questões internacionais.
Por ocasião da crise de saúde que sofreu em julho de 2006, Fidel delegou o poder a Raúl, renunciando formalmente em fevereiro de 2008. Mas conserva o poderoso cargo de primeiro secretário do governante Partido Comunista.
Raúl, que disse consultar o irmão sobre decisões importantes, empreendeu algumas mudanças para mitigar a crise econômica e os apertos da vida diária, embora mais lentas e tímidas do que o esperado pela população - a mais recente delas uma abertura à pequena iniciativa privada.
Opositores, analistas e um setor de cubanos veem na melhora de Fidel um atraso nas reformas, mas Raúl, de 79 anos, descartou uma "luta de tendências", dizendo que a "união é, hoje, mais sólida do que nunca".
De qualquer forma a presença do Comandante já fala por si só. O retorno à vida pública começou no dia 7 de julho, em pleno anúncio de libertação de 52 presos políticos.
"É para desviar a atenção", dizem o opositor Manuel Cuesta e a blogueira Yoani Sánchez; "um aval" segundo o dissidente Guillermo Fariñas, que fez 135 dias de greve de fome para exigir essas 52 libertações.
Durante a convalescença, Fidel Castro abriu um pouco sua intimidade ao mostrar-se em sua casa e com a família, e passou progressivamente a exibir-se de pijama, roupa esportiva, camisa quadriculada, até voltar, novamente, ao simbólico uniforme verde-oliva, embora sem as insígnias militares.
Mas ninguém acha que voltará ao poder. "Suas atividades não param, mas está dirigido a outra coisa. Raúl é quem deve segurar as rédeas", disse à AFP Rosa, uma costureira de 59 anos.
Nestes quatro anos escreveu 290 artigos publicados na imprensa local, a maioria sobre temas internacionais e contra Washington e, os últimos, com sua visão apocalíptica sobre um iminente ataque americano ao Irã.
"Está tratando de reafirmar os principais pilares da revolução: o antiamericanismo e o internacionalismo (apoio ao Irã), opinou o analista Jaime Suchlicki, diretor do Instituto de Estudos Cubanos da Universidade de Miami.
Castro se ocupa também em repassar a história. Saiu à venda seu primeiro livro de memórias, "La victoria estratégica", sobre a luta guerrilheira, e no qual se descreve como um "rebelde" desde criança.
Uma das poucas figuras da Guerra Fria ainda vivo, às vezes se refere aos russos como "soviéticos" e considera que o socialismo do século XXI, promido pelo presidente venezuelano, Hugo Chávez, é o comunismo de Karl Marx.
Fidel Castro é visto pela esquerda mundial como paradigma de solidaridade e justiça e, por seus adversários, como um "ditador" que restringiu liberdades e submeteu os cubanos à penúria.
O boato sobre sua morte apareceu inúmeras vezes, mas seus inimigos se conformaram em esperar, não sem impaciência, seu desaparecimento natural.
Nascido na remota aldeia oriental de Birán, terceiro de sete filhos de um imigrante espanhol e uma camponesa cubana, Fidel Castro chegou ao poder ao derrotar o ditador Fulgencio Batista em 1º de janeiro de 1959.
Protagonizou episódios como a crise dos mísseis em 1962, a expansão da guerrilha na América Latina e sobreviveu à invasão americana da Baía dos Porcos, à queda do bloco soviético e a 11 presidentes dos Estados Unidos.

Danny Glover visita a Gerardo Hernández en la prisión de Victorville


El domingo 8 de agosto, el famoso actor Danny Glover visitó a Gerardo Hernández en la prisión de alta seguridad de Victorville, California, de acuerdo con una nota divulgada por el Comité Internacional de Solidaridad con los Cinco cubanos presos en Estados Unidos.
La reunión causó un gran revuelo en la prisión que apenas unos días antes había confinado a Gerardo en “el hueco” en condiciones inhumanas.
“Los planes de este encuentro demoraron varios meses para que se materializaran por las estrictas medidas de seguridad de la cárcel, pero no podía haber llegado en un momento más oportuno pues simboliza el enorme apoyo de Gerardo después de lo que acababa de soportar”, dice el comunicado.
Danny Glover es miembro de la Comisión Internacional por los Derechos de las visitas familiares de los Cinco, que envió un cartas a Hillary Clinton y Janet Napolitano, solicitando las visas para que puedan visitar a sus compañeros en Estados Unidos, de Olga Salanueva, esposa de René González y Adriana Pérez, esposa de Gerardo Hernández.
Glover produjo recientemente tres videos publicados en Youtube, que reproducen una carta de Gerardo Hernández a su esposa Adriana, y que reproducimos a continuación:



Mente & Quantum

4 comentários:

  1. Se os americanos foram ao Vietname e ao Iraque, do outro lado do mundo, porque é que nunca invadiram Cuba, a 150km?

    ResponderExcluir
  2. Fala Aldo!
    Já viu esse aqui?
    http://www.jornada.unam.mx/2010/08/18/index.php?section=mundo&article=025a1mun

    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Caro Diogo, sou grato, dê uma olhada nisto http://infinitoaldoluiz.blogspot.com/2010/02/invasao-da-baiia-dos-porcos.html

    ResponderExcluir
  4. Grato Ecocidio bela dica, valeu! Paz e luz!

    ResponderExcluir

Todos são bem vindos, estamos aqui para compartilhar experiências que nos iluminem, mas, por força de impertinentes baixas vibrações planetárias sou obrigado a moderar os comentários. Para bons comentadores este pingo é letra. Sintam-se em casa. E muito grato pela lúcida carinhosa presença. Venham sempre que lembrarem, se gostarem divulguem, compartilhemos nossas descobertas.Sinto muito, me perdoe, vos amo, sou grato. A faxina é infinita.

Related Posts with Thumbnails