O QUE NÃO SABEMOS NÃO EXISTE.
"Quando Creonte lhe diz “tu és a única, em Tebas, a defender tais opiniões”, Antígona responde com grande lucidez:
"-TODOS OS QUE ME OUVEM OUSARIAM CONCORDAR COMIGO SE O MEDO NÃO LHES FECHASSE A BOCA."
Pensar sempre foi considerado conspiração. Este blogue é parte do inadiável processo de novas escolhas na minha permanente ressonante infinita faxina espiritual. Nosso mundo é o que supomos conhecer, bendita Internet. Perceber e compreender faxinando os programas de jogos de memórias escravagistas que estão milenarmente sabotando a sanidade de nossas existências é a nossa única saída... Nada, religião alguma, lei alguma substituirá a consciente responsabilidade (100%) dos julgamentos, escolhas e decisões de cada um de nós. Ninguém virá nos salvar da escravidão... Só podemos escolher entre o medo catabólico e a gratidão anabólica ao afeto incondicional. Onde há amor não há perdão. A verdadeira maravilhosa revolução é intrapessoal, urgente e intransferível. Nós somos os deuses amorosos pelos quais temos esperado. Somos almas. Mantenhamo-nos na vibração da fé no afeto incondicional, todos os espíritos corações e mentes estamos interconectados na Teia Cósmica.
"O SISTEMA" É PSICOPÁTICO, ALIENÍGENA, INUMANO, PEDÓFILO, ANTROPOFAGICAMENTE CORRUPTO E ESCRAVISTA POR NATUREZA. SÃO "DIABÓLICOS". TODAS AS UTOPIAS HUMANITÁRIAS SÃO CONCESSÕES TÁTICAS DENTRO DA MILENAR ESTRATÉGIA ESCRAVAGISTA.
http://www.artmajeur.com/aldoluiz/
Em tempo; amanajé ré significa mensageiro amigo em tupi guarani.

Compartilhemos

Share |

quinta-feira, 22 de abril de 2010

OLHE PARA SEUS FILHOS E SEUS NETOS E PENSE MUITO NISSO...

LEMBRE-SE: O BRASIL ESTÁ NO MUNDO E A NOVA ORDEM MUNDIAL ESCRAVAGISTA QUER CONTINUAR MANDANDO NO MUNDO QUE ESCRAVIZA E EXPLORA MILENARMENTE. O BRASIL É PEÇA CHAVE EM SEUS PLANOS DE IMPÉRIO PERENE DE RELIGIOSA ESCRAVIZAÇÃO DA HUMANIDADE.

A "GUERRA" ELEITORAL JÁ COMEÇOU. DESLIGUE SUA TELEVISÃO PARA PODER PENSAR. A IMPOSIÇÃO DO JOGO DE DIVISÃO FRATRICIDA PELA MIDIOCRACIA VIGENTE ESTÁ EM ANDAMENTO E VAI MOSTRANDO SUA REAL INTENÇÃO E FEROCIDADE. SOMOS OU NÃO SOMOS UM SÓ POVO?

A NOVA ORDEM MUNDIAL IMPÕE O DIVIDIR PARA GOVERNAR E NOS JOGA IRMÃOS CONTRA IRMÃOS EM TODOS OS NÍVEIS DE NOSSAS RELAÇÕES COTIDIANAS. OLHE PARA SEUS FILHOS E SEUS NETOS E PENSE MUITO NISSO...

Direto do Tijolaço.com
Réquiem por um jovem José Serra
abril 22nd, 2010 às 11:01

Posto aí em cima as imagens de uma pessoa que já não existe. Um jovem sonhador, que defendia a Petrobras, a reforma agrária, as reformas de base. Um jovem que falava com veemência, com alma, com paixão, diante de seus irmãos pobres, negros, humildes, que o Brasil só seria justo quando fosse livre, quando deixasse de ser o país das oligarquias e passasse a ser o país do povo.



O jovem José Serra, presidente da UNE, que subiu ao palanque do comício da Central do Brasil, no dia 13 de março de 1964, não existe mais.

Foi morto, impiedosamente, por um senhor que hoje é candidato a presidente da República com o apoio das elites, das multinacionais e dos latifundios.

O senhor José Serra.

Ao seu lado, nos palanques, já não estão Jango, Brizola, Arraes, Julião.

Estão Bornhausen, Kátia Abreu, Fernando Henrique, Caiado, Bolsonaro, a direita brasileira.

Hoje, o homem que destruiu o rapaz que defendia a reforma agrária “na lei ou na marra” diz que o MST não é um movimento legítimo e que a questão agrária é com o Judiciário.

Eu já disse aqui que a traição às próprias ideias é algo como o assassinato de si mesmo.

Serra não é o primeiro. O caso mais notório é o de Carlos Lacerda que, de seguidor de Luís Carlos Prestes, se auto-abduziu para o mundo da direita mais feroz.

O traidor é o homem mais perigoso do mundo. Ele carrega em si a culpa, o remorso, o ódio. Quer mostrar aos senhores de suas novas idéias que é, de fato, um convertido. Quer esconder de seus antigos amigos que já não é a sombra do que foi.

O traidor é a fraude em si mesmo. Dele, portanto, não brota uma verdade, mas apenas dissumulação, mentiras, distorções. Mesmo sob uma aparência plácida, é um homem feroz e impiedoso: afinal, suas mãos já estão sujas de seu próprio sangue.

Mas daquele jovem Serra, que você vai ver nestas imagens, uma coisa sobrou. Sobreviveram as palavras que, mesmo que não tenham sido gravadas no vídeo, todos podemos ler nos olhos, no sorriso, no aplauso do povo humilde que ali estava.

Porque elas continham uma esperança, uma luta, um sonho que nem mesmo o José Serra de hoje será capaz de matar.

SINTO MUITO, ME PERDOE, TE AMO, SOU GRATO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos são bem vindos, estamos aqui para compartilhar experiências que nos iluminem, mas, por força de impertinentes baixas vibrações planetárias sou obrigado a moderar os comentários. Para bons comentadores este pingo é letra. Sintam-se em casa. E muito grato pela lúcida carinhosa presença. Venham sempre que lembrarem, se gostarem divulguem, compartilhemos nossas descobertas.Sinto muito, me perdoe, vos amo, sou grato. A faxina é infinita.

Related Posts with Thumbnails