O QUE NÃO SABEMOS NÃO EXISTE.
"Quando Creonte lhe diz “tu és a única, em Tebas, a defender tais opiniões”, Antígona responde com grande lucidez:
"-TODOS OS QUE ME OUVEM OUSARIAM CONCORDAR COMIGO SE O MEDO NÃO LHES FECHASSE A BOCA."
Pensar sempre foi considerado conspiração. Este blogue é parte do inadiável processo de novas escolhas na minha permanente ressonante infinita faxina espiritual. Nosso mundo é o que supomos conhecer, bendita Internet. Perceber e compreender faxinando os programas de jogos de memórias escravagistas que estão milenarmente sabotando a sanidade de nossas existências é a nossa única saída... Nada, religião alguma, lei alguma substituirá a consciente responsabilidade (100%) dos julgamentos, escolhas e decisões de cada um de nós. Ninguém virá nos salvar da escravidão... Só podemos escolher entre o medo catabólico e a gratidão anabólica ao afeto incondicional. Onde há amor não há perdão. A verdadeira maravilhosa revolução é intrapessoal, urgente e intransferível. Nós somos os deuses amorosos pelos quais temos esperado. Somos almas. Mantenhamo-nos na vibração da fé no afeto incondicional, todos os espíritos corações e mentes estamos interconectados na Teia Cósmica.
"O SISTEMA" É PSICOPÁTICO, ALIENÍGENA, INUMANO, PEDÓFILO, ANTROPOFAGICAMENTE CORRUPTO E ESCRAVISTA POR NATUREZA. SÃO "DIABÓLICOS". TODAS AS UTOPIAS HUMANITÁRIAS SÃO CONCESSÕES TÁTICAS DENTRO DA MILENAR ESTRATÉGIA ESCRAVAGISTA.
http://www.artmajeur.com/aldoluiz/
Em tempo; amanajé ré significa mensageiro amigo em tupi guarani.

Compartilhemos

Share |

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

O Brasil no IBGE: os progressos e as vergonhas (2)


TIJOLAÇO.COM
O Brasil no IBGE: os progressos e as vergonhas (2)
setembro 18th, 2009 às 15:37

Nos dados da PNAD sobre educação, ao contrário do que acontece nos relativos ao trabalho, há muito pouco de positivo a registrar. O Brasil continua avançando a passos de cágado. Notícia boa, assim mesmo não ótima, é que caiu a 2,5% o número de crianças de 6 a 14 anos fora da escola. Cinco anos antes, em 2003, eram 8,8%, ou mais, já que a medição, àquela época, só abrangia crianças a partir de sete anos. Mas já era, há muito, o tempo de não haver uma criança brasileira fora do ambiente escolar.

Os dados sobre analfabestismo - que já não medem muita coisa no mundo moderno - são desanimadores. A taxa de analfabetismo adulto - para pessoas de 15 anos ou mais ´- ficou 10,0%. Em 2007, havia sido de 10,1%. Mais importantes são so números que reproduzo abaixo, relativos ao chamado analfabestimo funcional, isto é, às pessoas que não chegaram à quarta série fundamental e que não têm, portanto, o aprendizado mínimo para ler, escrever e contar com desenvoltura.

Um em cada cinco brasileiros com mais de 15 anos, portanto, continua excluído pela mais cruel das segregações: a do não-saber.

São mais de 30 milhões de brasileiros nesta condição. A queda nesse indicador é muito, muito lenta. Este índice, que, como está no gráfico, é de 21% em 2008, era de 22,8% em 2003.


E entre os que atingem este patamar, o quadro continua terrível, apesar da melhora nos indicadores. O patamar médio de aprendizado - 11 anos de educação formal - só é alcançado por 31,6 % da população. Muito pouco, embora em 2003 este índice fosse de 24,9%.


O que mais é preciso para que nos convençamos que aí está o gargalo do desenvolvimento brasileiro num mundo onde é preciso cada vez mais conhecimento? A justa preocupação em qualificar profissionalmente os brasileiros será vã se eles não forem pré-qualificados com educação geral, antes da profissional.

Senão, só estaremos produzindo servos mais eficientes. Se só o conhecimento, cada vez mais liberta, sem ele os brasileiros nunca serão livres de verdade.

http://infinitoaldoluiz.blogspot.com/ disse — 18 de setembro de 2009 @ 18:56

Meu caro Brizola, seu avô e Darci Ribeiro sempre souberam que a hoje auto denominada New World Order tem promovido este fenômeno em todos os países por onde estende seus tentáculos de dominação e escravização. É o 4º Reich que quer reduzir ao máximo toda e qualquer possibilidade de descoberta de seus planos nefastos inconfessos impedindo de toda forma possível qualquer discernimento e reação. Por isso realoca fortunas em todos os níveis da repressão. Mesmo na Inglaterra, EUA e UE onde se encastelam, o processo de alienação, deseducação e estupidificação das massas segue no mesmo ritmo de aprofundamento. Interessa-lhes a barbárie, seu campo fértil ideal de desenvolvimento.


Sinto muito me perdoe te amo sou grato.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos são bem vindos, estamos aqui para compartilhar experiências que nos iluminem, mas, por força de impertinentes baixas vibrações planetárias sou obrigado a moderar os comentários. Para bons comentadores este pingo é letra. Sintam-se em casa. E muito grato pela lúcida carinhosa presença. Venham sempre que lembrarem, se gostarem divulguem, compartilhemos nossas descobertas.Sinto muito, me perdoe, vos amo, sou grato. A faxina é infinita.

Related Posts with Thumbnails